Fagner admite desejo de voltar à Europa, mas garante ter 'muito para conquistar' no Timão

Fagner admite desejo de voltar à Europa, mas garante ter 'muito para conquistar' no Timão

Por Meu Timão

4.5 mil visualizações 112 comentários Comunicar erro

Titular do Timão há mais de dois anos, Fagner é constantemente elogiado por Tite e pelos torcedores alvinegros

Titular do Timão há mais de dois anos, Fagner é constantemente elogiado por Tite e pelos torcedores alvinegros

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Aos 26 anos, Fagner ainda espera brilhar no futebol europeu. Tido como um dos principais atletas do atual elenco do Corinthians, o lateral-direito abriu o jogo e admitiu que mantém o desejo de retornar ao Velho Continente, onde defendeu as cores do PSV Eindhoven (HOL) e do Wolfsburg (ALE) antes de retornar ao Timão, clube no qual foi revelado.

“Não descarto a hipótese de me aposentar no Corinthians, até por ser o clube no qual fui formado e com o qual tenho grande identificação. Mas tenho o desejo de voltar à Europa, sim. Saí de lá não por desejo meu, mas por outra situação, então, acho que um dia posso voltar. Mas, hoje, a cabeça está no Timão. Tenho três anos de contrato e muito para conquistar”, afirmou Fagner, em entrevista ao jornal Diário de S.Paulo.

Depois de se destacar na base, Fagner foi promovido à categoria profissional do Corinthians em 2007. Apesar do futebol promissor, foi vendido de forma prematura ao PSV. Por lá, ergueu o troféu do Campeonato Holandês (2007/08), mas não vingou e acabou retornando ao Vasco. Após cinco temporadas, ganhou nova chance na Europa ao ser adquirido pelo alemão Wolfsburg. Apesar do início promissor pela equipe bávara, caiu de produção e acabou de volta a São Januário, desta vez por empréstimo.

Experiente, o lateral-direito credita a melhoria técnica, física e psicológica ao conhecimento adquirido ao longo das últimas temporadas. “Foi algo que aconteceu desde quando fui para a Europa. Já voltei diferente para o Vasco e no Corinthians melhorei ainda mais. Desde a comissão técnica do Mano Menezes, em 2014, até agora com o Tite, tive muitos conselhos de todos e acho que aprendi muito para saber dosar em campo”, explicou.

Titular do Timão há mais de dois anos, Fagner é constantemente elogiado por Tite e pelos torcedores alvinegros. Para o técnico, inclusive, o camisa 23 tem futebol para ser lembrado por Dunga no time canarinho. “Fagner é jogador de Seleção. Ele consegue ter as percepções de marcação, aprendeu muito a fechar na linha de quatro jogadores e ter a bola aérea mesmo com uma altura que não é privilegiada”, cravou o comandante, após a vitória por 2 a 0 sobre o Cerro Porteño (PAR), na quarta-feira passada, na Arena.

Veja Mais:

  • Marcelo Aparecido de Souza foi pressionado por jogadores e torcedores no Allianz Parque

    STJD aceita pedido para julgar mérito que pode melar título paulista do Corinthians

    ver detalhes
  • Dupla voltou de Chapecó com problemas físicos e pode se tornar baixa

    Dupla será reavaliada e pode se juntar a Cássio como desfalque para Corinthians no sábado

    ver detalhes
  • Guilherme Castellani assinou com o Timão até o fim de 2020

    Goleiro da equipe Sub-20 assina primeiro contrato profissional com o Corinthians

    ver detalhes
  • Henrique quer Corinthians bem no Brasileirão até o embate pela Libertadores

    Em desembarque, Henrique fala em 'virar a chave' para se aproximar dos líderes no Brasileirão

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes