Volante do Timão é destaque em levantamento de quem mais desvalorizou em 2015

Volante do Timão é destaque em levantamento de quem mais desvalorizou em 2015

Por Meu Timão

Cristian entrou em campo apenas uma vez em 2016

Cristian entrou em campo apenas uma vez em 2016

Foto: Daniel Augusto Jr/ Agência Corinthians

O Corinthians teve um de seus jogadores citados num levantamento feito pelo portal Lance! e publicado nesta quarta-feira. Baseado nos dados do site especializado em transferências de futebol Transfermarket, foram expostos os jogadores brasileiros que mais desvalorizaram nos últimos 15 meses.

De acordo com a publicação, os principais casos no futebol nacional são o volante Cristian, do Timão, e o meia Cleiton Xavier, do Palmeiras. O primeiro viu seus direitos econômicos caírem de € 6 milhões para € 2 milhões. O segundo, por sua vez, valia € 6 milhões e hoje está avaliado em € 1,5 milhão.

O levantamento também trouxe à tona a queda no valor de mercado de brasileiros que atuam no exterior. O zagueiro Thiago Silva encabeça a lista: valia € 40 milhões e, agora, apenas € 20 milhões. Danta, Hernanes, Leandro Damião e Hulk também foram citados.

Ainda vale destacar que um ex-corinthiano também foi incluído na pesquisa. O volante Paulinho, hoje no Guangzhou Evergrande, da China, valia € 16 milhões no início de 2015. Hoje, no entanto, está avaliado em € 10 milhões.

Veja Mais:

  • Kazim aplicou um belo chapéu em Felipe Melo no clássico

    Corinthians divulga vídeo com belos chapéus de Romero e Kazim no Dérbi; confira

    ver detalhes
  • Sanchez é investigado na operação Lava-Jato

    Odebrecht diz ter pago caixa dois milionário a Andrés Sanchez, segundo jornal

    ver detalhes
  • Equipe superou o erro da arbitragem e venceu clássico com um a menos

    Épico! Histórico! Na raça! Corinthians supera lambança da arbitragem e vence o Dérbi na Arena

    ver detalhes
  • Thiago Duarte Peixoto não relatou seu erro na súmula

    Súmula confirma lambança, mas pode prejudicar ainda mais o Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes