Em fase artilheira no Timão, Romero diz trabalhar para voltar à seleção paraguaia

2.2 mil visualizações 35 comentários

Por Meu Timão

Romero comemora gol sobre o Linense, um dos seus seis na temporada de 2016

Romero comemora gol sobre o Linense, um dos seus seis na temporada de 2016

Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

Em apenas três meses, Romero já superou seus números obtidos durante toda a temporada passada. Foram seis gols marcados pelo atacante em 17 partidas disputadas em 2016. Mesmo assim, o artilheiro do Corinthians no ano pretende melhorar suas estatísticas para, num futuro próximo, ser lembrado pelo técnico da seleção do Paraguai, o argentino Ramón Díaz.

“Eu trabalho para estar na seleção. Meu sonho é esse, jogar na seleção, jogar com meu irmão (Óscar)”, afirmou o atacante do Timão, em entrevista coletiva após o treinamento desta segunda-feira, no CT Joaquim Grava.

Apontado como promessa do futebol paraguaio, Ángel Romero chegou ao Corinthians em 2014 cercado de expectativas. Apesar do início promissor, perdeu espaço com Mano Menezes, então treinador do time alvinegro, e caiu de produção – em 27 jogos, foi às redes apenas uma vez. Na temporada passada, com o retorno de Tite ao clube, recebeu ainda menos oportunidades: 18 duelos para mostrar serviço e quatro tentos.

Hoje em alta, o atacante acredita que precisa recuperar a vaga de titular no Corinthians para voltar à seleção de seu país, seu objetivo principal a curto prazo. “Acho que tem que ser titular no seu time. Todo mundo que está jogando é titular de seu time, fazem grandes campeonatos na Europa, no Campeonato Argentino, etc. Então é isso: ter uma sequência de jogos e ganhar a oportunidade”.

Romero pode ganhar nova chance na quarta-feira, quando a equipe do Parque São Jorge mede forças com a Ponte Preta, às 21h45 (de Brasília), na Arena, pela 13ª rodada do Campeonato Paulista. A tendência é de que Tite opte por um esquadrão misto, já que o Timão tem clássico marcado contra o Palmeiras no próximo domingo.

Para Romero, seu bom momento no clube alvinegro se deve justamente ao fato de ter mais minutos em campo. “Acho que só mudou que agora estou jogando mais, tendo oportunidade de jogar como titular, que é muito diferente do que entrar no segundo tempo. Sempre que fiz gol entrei de titular. O gol para o atacante é muito importante, estou fazendo isso e é o que a torcida gosta. Estou procurando melhorar, me dedicando muito”, concluiu.

Veja Mais:

  • Fagner ainda está com o tornozelo inchado e não vai à Minas Gerais

    Fagner não se recupera de problema no tornozelo e desfalca o Corinthians na estreia do Brasileirão

    ver detalhes
  • Léo Santos segue fora de combate e, neste momento, Tiago Nunes tem apenas três zagueiros em seu elenco

    Corinthians segue sem Léo Santos e tem apenas três zagueiros para início do Brasileirão

    ver detalhes
  • Camisa do Corinthians pode ganhar o novo logo do BMG nos próximos dias

    Camisas do Corinthians devem ganhar novo logotipo do BMG; veja imagens

    ver detalhes
  • Corinthians já pagou toda a quantia de Luan, mas está sendo cobrado por atraso

    Multa por atraso faz Grêmio cobrar o Corinthians em órgão da CBF; clubes divergem sobre questão

    ver detalhes
  • Jô é quem mais agrada a Fiel até aqui nesta temporada

    Veja o que a torcida pensa da temporada de cada jogador do Corinthians; zagueiro surpreende

    ver detalhes
  • Nathan é emprestado para clube espanhol por uma temporada

    Corinthians acerta empréstimo de atacante Nathan para clube espanhol

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: