Clássico entre Corinthians e Palmeiras será transmitido pela Globo só para um estado e DF

Clássico entre Corinthians e Palmeiras será transmitido pela Globo só para um estado e DF

Por Meu Timão

46 mil visualizações 112 comentários Comunicar erro

Rede Globo é um dos alvos dos protestos da torcida corinthiana desde o início do ano

Rede Globo é um dos alvos dos protestos da torcida corinthiana desde o início do ano

Gaviões da Fiel/Divulgação

Principal clássico do futebol nacional, o jogo entre Corinthians e Palmeiras, neste domingo, a partir das 16h, no Pacaembu, pelo Campeonato Paulista, será transmitido pela Rede Globo para apenas para São Paulo e Distrito Federal.

A emissora carioca anunciou nesta sexta-feira sua grade de programação para o fim de semana. Cleber Machado, Caio Ribeiro, Casagrande e Paulo César Oliveira trabalharão na transmissão. Pelo Premiere, Milton Leite e Mauricio Noriega serão os responsáveis.

Vale lembrar que, enquanto priva boa parte do Brasil de assistir aos jogos do Corinthians, a Globo transmite partidas do Campeonato Carioca para diversos estados do Norte, Nordeste e Sudeste. O jogo entre Vasco e Volta Redonda passará nas televisões de RJ, ES, TO, SE, PB, RN, PI, MA, PA, AM, RO, AC, RR e AP.

Veja Mais:

  • BMG já injetou R$ 30 milhões no Timão; banco também possui ligação com Atlético-MG

    Corinthians e BMG podem costurar acordo por Luan, indica Carille

    ver detalhes
  • Carille foi convidado desta segunda-feira do programa Bem, Amigos!

    Carille detalha conselho de Ronaldo Fenômeno para voltar a treinar o Corinthians

    ver detalhes
  • Corinthians está conversando para tentar trazer Romarinho de volta

    Corinthians entra em contato com Al-Ittihad para contratar Romarinho; jogador se pronuncia na Arábia

    ver detalhes
  • Romero segue treinando a parte e não será relacionado aos jogos do Corinthians enquanto não resolver sua situação contratual

    Carille comenta situação de Romero e explica mudanças pelos lados do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes