Confronto entre torcidas rivais termina com um morto em São Paulo, segundo PM

Confronto entre torcidas rivais termina com um morto em São Paulo, segundo PM

Por Meu Timão

Estação São Miguel Paulista foi local de conflito entre torcedores neste domingo

Estação São Miguel Paulista foi local de conflito entre torcedores neste domingo

Foto: Divulgação

O domingo de clássico entre Corinthians e Palmeiras não começou bem. Uma briga entre torcedores supostamente envolveu as duas principais torcidas organizadas dos dois times e terminou com uma pessoa morta em São Paulo.

O local da confusão foi a estação de trem de São Miguel Paulista, na Zona Leste de São Paulo. Membros da Mancha Verde, do Palmeiras, e da Gaviões da Fiel, do Corinthians, teriam se enfrentado.

O confronto, que envolveu cerca de 50 torcedores, teve início por volta das 10h30 da manhã deste domingo. As informações foram inicialmente divulgadas pelas redes sociais e confirmadas pelo tenente-coronel da Polícia Militar, Luiz Gonzada, ao jornal Folha de S. Paulo.

"A Mancha Verde e a Gaviões entraram em confronto na entrada da estação de trem de São Miguel. Houve disparo de arma de fogo antes da chegada do reforço policial. Um senhor, que não é torcedor, foi alvejado no coração e veio a óbito", explicou o tenente, que também confirmou que três pessoas foram detidas no local.

É válido lembrar que as torcidas organizadas estão sendo investigadas pela CPI da Câmara de São Paulo, além de outros fatos recentes, como a emboscada contra o presidente da Gaviões da Fiel. Nesta semana, inclusive, um membro da Mancha foi preso acusado do ato. O Meu Timão apurou que a diretoria da principal organizada do Corinthians reforçou o alerta para que nenhum membro se envolvesse em brigas com os rivais neste final de semana, especialmente após a prisão do torcedores palmeirense.

Além deste ocorrido, outros pequenos confrontos foram relatados pelas redes sociais. Em Guarulhos, cerca de 25 pessoas também teriam sido detidas por conta de uma briga; e o metrô da Linha 3-Vermelha ficaram parados por um período por conta de um novo confronto entre torcedores na estação do Brás. Fotos do estado que ficou um dos vagões do metrô na estação foram divulgadas.

Veja Mais:

  • Roberto de Andrade assumiu presidência do Corinthians em fev/2015 e segue até fev/2018

    Conselheiros barram votação do impeachment, e Roberto de Andrade segue presidente do Timão

    ver detalhes
  • Roberto de Andrade concedeu entrevista nesta segunda no Parque São Jorge

    Após se livrar de impeachment, Roberto de Andrade sugere tentativa de golpe no Corinthians

    ver detalhes
  • Rodriguinho deve ser uma das opções para o Corinthians no BR-17

    Corinthians tem Chape e clássicos logo no começo; veja a tabela completa do BR-17

    ver detalhes
  • Patch que será usado pelos jogadores no Dérbi de quarta-feira

    Rivalidade à parte: Corinthians e Palmeiras se unem e usarão logo no clássico

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes