Após sucesso de Arana e Maycon, ex-joia confessa arrependimento por deixar Corinthians

Após sucesso de Arana e Maycon, ex-joia confessa arrependimento por deixar Corinthians

Por Meu Timão

Cassini deixou o Corinthians no início do ano passado

Cassini deixou o Corinthians no início do ano passado

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Há pouco mais de um ano o Corinthians deu adeus a uma de suas maiores promessas dos últimos tempos: o meia Matheus Cassini. O jovem de então 19 anos deixou o Timão precocemente após brilhar na Copinha de 2015 a caminho do Palermo. Sem espaço no clube italiano, ele foi emprestado ao croata Inter Zapresic e estreou na Europa apenas mês passado. Em entrevista ao portal da ESPN, o jogador confessou uma espécie de arrependimento, citando que deveria ter tido mais paciência para atuar no profissional.

"A gente sempre espera uma chance, né. Para ser sincero, na época em que eu sai do Corinthians, eu ficava me perguntando se devia ter uma chance. Mas, pensando bem, vendo tudo que acontece no futebol, eu aprendi e vi que deveria ter um pouco mais de paciência de chegar minha oportunidade, não que eu deveria ter a oportunidade. Ela viria adquirindo experiência e eu era muito novo", declarou.

De fato, quem teve paciência acabou se dando bem sob comando do técnico Tite. O lateral-esquerdo foi campeão da Copinha ao lado de Cassini, mas acabou se tornando peça fundamental da equipe hexacampeã brasileira devido a lesões do titular Uendel. Maycon foi outro campeão da base em 2015; ele seguiu no time sub-20 até o início desta temporada e, enfim, foi promovido, ganhando oportunidades como titular até na Libertadores.

"Os campeonatos das categorias de base servem para você realmente entrar no mundo do futebol e, às vezes, o menino acha que vai fazer uma boa Copa São Paulo e vai vingar. Mas agora tá acontecendo com o Maycon, que já na minha Copinha tinha ido bem e tá tendo as oportunidades dele. Isso vai de cada jogador: esperar para aproveitar seu momento ou até ser emprestado. Cada um tem sua história", comentou Cassini.

Veja Mais:

  • Kazim não deve permanecer no Corinthians em 2018

    Corinthians quer definir destino de Kazim nos próximos dias; chegada de Dutra deve atrapalhar turco

    ver detalhes
  • Fellipe Bastos pode ser emprestado para outro clube em 2018

    Com chegada de reforço, Corinthians estuda empréstimo de Fellipe Bastos

    ver detalhes
  • Minds Idiomas segue na manga da camisa corinthiana em 2018

    Com até bolsa de estudos a jogadores, Corinthians renova com patrocinador para manga da camisa

    ver detalhes
  • Renê Júnior, Zé Rafael e Juninho Capixaba: Corinthians de olho em trio do Bahia

    Novo presidente do Bahia é eleito, e Corinthians deve definir ao menos três negociações

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes