Maior média de público do Brasil e localização na ZL ajudaram primeiro acordo comercial da Arena

Maior média de público do Brasil e localização na ZL ajudaram primeiro acordo comercial da Arena

Por Meu Timão

23 mil visualizações 64 comentários Comunicar erro

Honda já tem seus produtos expostos em diferentes setores da Arena

Honda já tem seus produtos expostos em diferentes setores da Arena

Divulgação

O Corinthians vai dando provas de sua grandeza em termos financeiros. Em entrevista ao site Máquina de Esporte, especializado em marketing esportivo, foram revelados dois dos principais fatores que renderam à Arena uma parceria de um ano com a Honda. A marca de motos selou o primeiro acordo feito pela equipe comercial do estádio, contratada no início de 2016.

De acordo com o o gerente geral da Honda, Alexandre Cury, a grande média de público registrada nos jogos da Arena Corinthians foi um dos fatores que pesou para a escolhe do estádio corinthiano por parte da empresa. Na temporada passada, o Timão foi quem mais levou pagantes às arquibancadas: 33.480 torcedores por jogo como mandante.

Um outro fator apontado por Cury como fundamental para a escolha da Arena é a localização. O estádio ter sido construído em Itaquera, na Zona Leste de São Paulo, é visto como oportunidade de expor a marca para um público supostamente alvo da empresa.

“Foi pelo alto fluxo de pessoas no estádio e pela localização, que para nós é excelente. A região da Zona Leste de São Paulo é muito cheia, com um público que nos interessa muito”, declarou o gerente.

Cury, contudo, destacou que não gostaria de ver a marca Honda associada diretamente ao Corinthians. Trata-se de um receio de algum tipo de represália por parte de potenciais clientes que torçam por outros times. Ele deu o exemplo do banco Caixa para justificar.

“Eu falo que somos agnósticos, não temos time. Nosso contrato é com a Arena, e não com o Corinthians. Se estivéssemos na camisa, teríamos que estar em todas. Como faz a Caixa”, explicou.

Veja Mais:

  • Clayson, Luan, Sornoza, Marciel e Matheus Matias: confira o vaivém no Corinthians neste fim de 2018

    Corinthians no mercado da bola: saiba quem chega, quem sai e quem negocia com o Timão para 2019

    ver detalhes
  • Boa parte da grana deixada pelo torcedor na Arena Corinthians não vai para o Fundo

    Despesas levam R$ 15,5 mi da bilheteria do Corinthians em 2018; veja levantamento do Meu Timão

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians deposita altas doses de esperança no retorno de Carille

    Torcida do Corinthians coloca retorno do Carille no topo dos assuntos mais comentados do Brasil

    ver detalhes
  • Uendel, um dos alvos do Corinthians, tem 30 anos; 11 a mais que o atual titular Carlos Augusto

    Corinthians aumenta 'filtro de idade' em buscas indicadas por Carille no mercado da bola

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes