Fagner recebe terceiro cartão amarelo e desfalca Corinthians contra Cobresal

Fagner recebe terceiro cartão amarelo e desfalca Corinthians contra Cobresal

Por Meu Timão

1.3 mil visualizações 33 comentários Comunicar erro

Fagner estava pendurado por ter recebido advertências contra Santa Fe e Cerro Porteño

Fagner estava pendurado por ter recebido advertências contra Santa Fe e Cerro Porteño

Foto: Reprodução

Pendurado, Fagner recebeu um cartão amarelo na partida contra o Santa Fe, nesta quarta-feira, e terá que cumprir suspensão no próximo jogo. Por ter acumulado três advertências, o lateral-direito ficará de fora do confronto contra o Cobresal, o último da fase de grupos da Copa Libertadores, que será disputado no dia 20 de abril, na Arena Corinthians.

Fagner recebeu o cartão amarelo logo no primeiro minutos do segundo tempo, por falta em Otero. Para a lateral-direita, o técnico Tite conta com Edilson como opção.

A primeira advertência de Fagner aconteceu no primeiro duelo contra o Santa Fe, na Arena, no dia 2 de março. Depois, também em casa, contra o Cerro Porteño, no dia 16 do mesmo mês, recebeu o segundo cartão.

Fagner era o único jogador pendurado do Corinthians na Libertadores. O lateral ainda está com dois cartões amarelos no Campeonato Paulista, assim como outros quatro atletas da equipe.

Veja Mais:

  • Alex fechou com o Corinthians por um ano de empréstimo

    Corinthians surpreende e fecha com atacante que estava na China

    ver detalhes
  • Corinthians x Palmeiras: Os jogadores que vestiram as duas camisas

    VÍDEO | Corinthians x Palmeiras: os jogadores que vestiram as duas camisas

    ver detalhes
  • Ao lado do lateral Sidcley, o volante Ralf foi inscrito pelo Timão no Paulista

    Com dois reforços, Corinthians atualiza lista de jogadores inscritos no Paulistão

    ver detalhes
  • Matheus Torres será titular diante do Santos Tsunami, na estreia do Steamrollers no Paulista

    Conheça o quarterback Matheus Torres, arma do Corinthians no clássico contra o Santos

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes