Corinthians empata em Bogotá e fica próximo da classificação na Libertadores

Corinthians Corinthians 1 x 1 Santa Fe Santa Fe

Libertadores 2016

Corinthians empata em Bogotá e fica próximo da classificação na Libertadores

Por Meu Timão

Elias foi o autor do único gol do Timão no jogo desta quarta-feira

Elias foi o autor do único gol do Timão no jogo desta quarta-feira

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

O Corinthians viajou para a Colômbia em busca de garantir a classificação para a próxima fase da Libertadores de maneira antecipada. A pressão time colombiano no primeiro tempo, porém, impediu o feito e o Timão só conseguiu o empate no El Campin.

Tite mandou a campo o mesmo time que iniciou o clássico contra o Palmeiras, no último domingo: Cássio; Fagner, Felipe, Yago e Uendel; Bruno Henrique; Elias, Giovanni Augusto, Guilherme e Lucca; André.

Os primeiros 45 minutos foram daqueles para se esquecer. O Corinthians não criou nenhuma chance e não finalizou para o gol. Ainda sofreu o gol de Otero, em um jogada que demonstrou a desorganização da equipe em campo.

Na segunda etapa, a equipe voltou com outra postura. Acertando as triangulações, o time criou mais e viu Elias empatar a partida, aos 17 minutos. Com mais posse de bola, o Timão dominou um cansado Santa Fe nos 45 minutos finais.

Com o empate em 1 a 1, o Corinthians segue na liderança do Grupo 8, com dez pontos. Caso o Cerro Porteño vença o Cobresal, no dia 13, por uma boa diferença de gols, o Timão pode até cair para a segunda posição, mas uma vitória simples na última rodada garante a classificação para a próxima fase.

Sem luz e sem Timão

Jogando dentro de casa e com bom público no estádio, o Santa Fe começou a partida pressionando. Logo aos cinco minutos, o primeiro susto. Otalvaro cruzou, Ancaro tentou um chute de letra e Perlaza ficou com a sobra, mas mandou para fora.

Logo depois, antes do dez minutos, o jogo foi paralisado. Os refletores do estádio El Campin apagaram. Esse foi o terceiro jogo do Timão no ano que teve queda de luz. A partida ficou cerca de 15 minutos parada, o que esfriou um pouco os atletas das duas equipes.

Com a partida reiniciada, as duas equipes não criaram grandes chances, encontraram dificuldades para armar jogadas e acabaram fazendo mais faltas para os dois lado - Gordillo levou o primeiro amarelo por falta dura em Guilherme.

Aos 29, um susto para a Fiel. Seijas cobrou falta, Cássio defendeu a bola, mas no rebota Mina marcou. A jogada, porém, estava impedida e o gol foi anulado.

Minutos depois, aos 34, Cássio não teve tanta sorte. Gordillo acertou a bola na trave direita e, no rebote, Otero mandou para o fundo do gol, abrindo o placar para os colombianos.

Logo depois, o Timão até tentou uma reação. Lucca roubou a bola no campo de defesa, puxou um contra-ataque e tocou para Elias. O volante, porém, pedeu a bola para o zagueiro e não chegou perto do gol.

A primeira etapa chegou ao final com uma atuação fraca do Corinthians. A equipe do técnico Tite não teve nenhuma finalização e não deu trabalho para o goleiro Zapata. Antes de ir para o vestiário, Lucca ainda discutiu com Otero e precisou ser contido pelos companheiros.

Melhorou e empatou

O Corinthians voltou para campo sem alterações na equipe, mas com a postura diferente. Logo no primeiro lance, perdeu Fagner para o próximo jogo. O lateral deu uma chegada mais forte em Otero e levou o terceiro amarelo.

Aos 11 minutos, o primeiro chute com perigo a gol do Timão no jogo. Lucca chutou de esquerda e a bola bateu no travessão. Um minuto depois, Guilherme deu belo toque para Elias, que bateu na saída de Zapata e empatou o jogo.

Com mais posse de bola, o Timão impôs o seu ritmo na segunda etapa. O Santa Fe não voltou com a mesma determinação e, aos 17, quase levou a virada. Lucca driblou Otalvaro, cruzou para André que chutou para o gol, mas a bola foi travada por Tesillo e foi pra fora.

Aproveitando o bom momento, Tite fez duas mudanças na equipe para deixar o jogo mais rápido. Aos 22 minutos, Maycon entrou no lugar de Guilherme; e Romero no de Lucca.

Minutos depois, Elias passou a bola para Fagner, que cruzou na medida para a ára. Romero cabeceou fraco e a bola ficou com o goleiro do Santa Fe. Pouco tempo depois, o volante pediu para deixar o jogo. Fazendo apenas o seu segundo jogo após voltar de lesão, Elias foi substituído por Edílson - a última alteração de Tite na partida.

Antes do final do jogo, o Santa Fe ainda pressionou para virar. Teve uma chance, em uma cobrança de falta, mas Valencia mandou por cima do gol, sem nenhum perigo para Cássio. Depois, Pérez chutou, mas Bruno Henrique afastou. No finalzinho, Otalvaro acertou um cruzamento e assustou Cássio.

O Timão conseguiu segurar e garantiu o ponto em Bogotá. O próximo desafio da equipe na Libertadores é no dia 20 de abril, uma quarta-feira, contra o Cobresal, na Arena Corinthians.

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a partida entre Corinthians e Santa Fe

  • 1000 caracteres restantes