Risco de brigas e protestos políticos colocam em xeque quartas de final do Paulistão

Risco de brigas e protestos políticos colocam em xeque quartas de final do Paulistão

Por Meu Timão

Roberto de Andrade deve representar Corinthians em reunião na FPF

Roberto de Andrade deve representar Corinthians em reunião na FPF

Foto: Meu Timão

Os dirigentes dos quatro clubes mandantes das quartas de final do Paulistão (Corinthians, Santos, Audax e Palmeiras), junto com a Federação Paulista de Futebol, terão de quebrar a cabeça em reunião a ser realizada nesta segunda-feira. Isso porque alguns acontecimentos e pedidos da polícia militar colocam em xeque a realização das partidas no próximo fim de semana (ao menos nos horários tidos como tradicionais). As informações são do jornal Folha de S. Paulo.

O principal problema gira em torno da proximidade do horário dos jogos. A PM já solicitou à FPF para que jogos na capital não aconteçam simultaneamente. O Audax deve ser impedido, a pedido da polícia, de mandar seu jogo em Osasco, por ser cidade vizinha à capital paulista.

Com relação ao Corinthians, a Rede Globo promete não abrir mão com facilidade do direito de transmissão do jogo do Timão no horário tradicional (16h de domingo). Há aí ao menos dois impasses. A tendência é a equipe alvinegra ter de mandar seu jogo no sábado, já que o Palmeiras joga na quinta pela Libertadores e portanto deve mandar sua partida no domingo. Há orientação para que os arquirrivais joguem em dias diferentes para evitar conflitos de torcida. A PM ainda quer evitar a todo custo jogos no período da tarde de domingo na capital por conta de protestos políticos previstos para tal horário nas ruas da cidade.

A única tendência a ser confirmada é o jogo do Santos acontecer às 16h de domingo, já que a partida acontecerá na Baixada Santista.

Vale lembrar que, no ano passado, também havia risco de encontro entre torcidas e problemas envolvendo protestos políticos no fim de semana das quartas de final do Paulistão. Na ocasião, o Timão mandou seu jogo no sábado, com transmissão da Globo, e o Santos, que entrou em campo no domingo, não teve sua partida televisionada.

Veja Mais:

  • Carille comandou o treino do Corinthians deste sábado, no CT Joaquim Grava

    Pablo treina, e Carille define escalação do Corinthians contra o Atlético-GO

    ver detalhes
  • Clayson foi relacionado pela primeira vez no Corinthians

    Com estreia de Clayson e Pablo, Corinthians relaciona 22 contra Atlético-GO

    ver detalhes
  • Roberto (à esq.) está pessimista por negócio com Cicinho

    Roberto de Andrade esclarece especulações, vê Cicinho distante e abre o jogo sobre Nenê

    ver detalhes
  • Nenê foi oferecido nos últimos dias para a diretoria do Corinthians

    Nenê é oferecido ao Corinthians; até troca com dois jogadores alvinegros é sugerida

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes