Atualização do Torcedômetro despenca número de sócios do Corinthians

Atualização do Torcedômetro despenca número de sócios do Corinthians

Por Meu Timão

Apesar de boa fase do time, Fiel Torcedor teve grande queda de sócios

Apesar de boa fase do time, Fiel Torcedor teve grande queda de sócios

Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Em dia de decisão no Campeonato Paulista, o Corinthians registrou uma grande queda no número de sócios torcedores contabilizados pelo Movimento Por Um Futebol Melhor.

Na nova atualização, o Timão aparece com 130.354 mil associados cadastrados no Fiel Torcedor. Em relação a última, no início de abril, a diferença caiu cerca de 14 mil torcedores.

Mesmo com a queda, o Corinthians segue na liderança do ranking divulgado pelo Movimento. O Palmeiras, segundo colocado, também perdeu sócios desde a última atualização, mas em uma escala bem menor. Foi de 126.898 para 126.695. O Internacional, terceiro, manteve os mesmos 112.756 associados. O Grêmio, quarto colocado, foi o único dos primeiros que apresentou crescimento: foi de 84.032 para 93.915.

Vale relembrar que essa não é a primeira vez que o Corinthians tem uma grande alteração no seu número de sócios-torcedores. No último ano, os números mudaram mais de uma vez dessa maneira, podendo ser uma erro de sistema ou de contagem dos responsáveis pelo Fiel Torcedor.

Veja Mais:

  • Conversa definirá participação de Romero nesta quinta-feira

    Romero é aguardado no CT do Corinthians; atacante pode ser até titular contra o Linense

    ver detalhes
  • Brasil venceu o Paraguai na Arena Corinthians

    Torcedores e jornalistas sul-americanos enaltecem beleza da Arena Corinthians; veja as declarações

    ver detalhes
  • Fagner aplicou um lindo chapéu no adversário paraguaio

    Corinthians destaca lindo chapéu de Fagner pela Seleção; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Gabriel é provável titular diante do Linense nesta quarta-feira; seu companheiro de setor, Maycon, está vetado

    Corinthians encara Linense na Arena em última prova antes de decisões

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes