Tite quer Corinthians ‘concentrado’ e apoio do torcedor em primeiro mata-mata do ano

Tite quer Corinthians ‘concentrado’ e apoio do torcedor em primeiro mata-mata do ano

Por Lucas Mariano

Tite também destacou seu respeito aos times pequenos

Tite também destacou seu respeito aos times pequenos

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O Corinthians tem neste sábado seu primeiro jogo de mata-mata do ano. Melhor equipe da primeira fase, o clube do Parque São Jorge tentará garantir sua classificação à semifinal diante do Red Bull, na Arena, às 16h20. Questionado sobre como a equipe lida com o grande favoritismo, Tite ressaltou a humildade e os pontos principais que o Timão precisa ter dentro de campo.

“Desempenho, nível de concentração alta e a experiência do técnico que trabalhou na fábrica para depois ser campeão mundial. Então ele sabe respeitar o outro lado”, disse o treinador, referindo-se a si próprio para destacar o respeito pelo adversário.

Tite ainda voltou a comentar sobre a concentração, afirmando que ela é importante até para os torcedores, para que eles estejam focados em apoiar o time durante os 90 minutos.

“Nos aspectos emocionais, não deixar que o erro individual possa afetar no nível de concentração da equipe. Uma vez, em uma parada técnica, o Malcom veio pegar uma água e o cara que estava atrás de mim começou a reclamar. Eu olhei e falei: ‘ajuda, dá força para o moleque’. Isso que a torcida tem que fazer, para que haja essa confiança e ajude no nosso desempenho”, acrescentou o técnico em entrevista coletiva no CT Joaquim Grava nesta sexta-feira.

Líder da classificação geral da primeira fase, o Corinthians somou 35 pontos, 13 a mais do seu adversário deste sábado. Na véspera do jogo decisivo, Tite revelou que tentou “adiantar” o clima de pressão entre os jogadores.

“Estados de maturidade que a equipe está procurando apressar. Contra o Novorizontino, comecei a falar: ‘vamos atacar pra fazer o segundo gol porque se empatar vai para pênalti. Eles me olhavam e falavam ‘esse cara ta maluco’. Procuramos apressar essa fase”, comentou, sem esconder sua apreensão com jogos decisivos.

“Adrenalina a mil. Aquele momento que vou para o banco e não começa, minha pulsação.... Eu quero que começa logo porque a expectativa é grande”, concluiu.

Veja Mais:

  • Wladimir será o mais novo colunista do Meu Timão

    Herói de 77 será colunista do Meu Timão

    ver detalhes
  • Dudu revelou que jogadores do Palmeiras tinham conhecimento de confusão feita pelo árbitro no clássico

    Atacante palmeirense diz por que não avisou árbitro de erro em expulsão de Gabriel

    ver detalhes
  • Jadson treinou nesta quinta-feira e não será problema para final no Moisés Lucarelli

    Jadson volta, e Carille ensaia escalação do Corinthians para primeira decisão do Paulista

    ver detalhes
  • Fiel esgotou bilhetes colocados à venda no Fiel Torcedor

    Em menos de uma hora, torcida do Corinthians esgota ingressos para decisão do Paulista

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes