Do outro lado do mundo, Gil publica mensagem de apoio ao Corinthians antes do mata-mata

Do outro lado do mundo, Gil publica mensagem de apoio ao Corinthians antes do mata-mata

Por Meu Timão

6.0 mil visualizações 32 comentários Comunicar erro

Gil foi vendido no início do ano ao Shandong Luneng

Gil foi vendido no início do ano ao Shandong Luneng

Reprodução/Twitter

Em meio às mais de 30 milhões de pessoas que estarão ligados no duelo contra o Red Bull Brasil, na tarde deste sábado, pelas quartas de final do Campeonato Paulista, o Corinthians conta com o apoio de um torcedor para lá de especial: o zagueiro Gil.

Por meio de sua página no Facebook, o hoje jogador do Shandong Luneng, da China, lembrou a partida decisiva e declarou estar na torcida pelo ex-clube. Corinthians e Red Bull se enfrentam na Arena em jogo único valendo vaga na semifinal do Estadual.

"Hoje começa os mata-matas do Paulistão. Sempre uma fase legal da competição.
Estarei aqui na torcida pelos meus antigos companheiros!!! ‪#‎VaiCorinthians‬", escreveu o beque.

Gil deixou o Corinthians no início do ano com o status de um dos maiores zagueiros a vestirem a camisa alvinegra no século 21. O defensor chegou ao Timão em 2013, não demorou a conquistar a condição de titular e se sagrou campeão do Paulistão e da Recopa Sul-Americana de 2013 e do Campeonato Brasileiro de 2015.

Veja Mais:

  • Desejado pelo Atlético-MG, Clayson quer ficar e retomar alto nível no Timão em 2019

    Clayson freia saída e faz Atlético-MG analisar outros corinthianos; acordo por Luan é mantido

    ver detalhes
  • Mantuan será jogador da Ponte Preta em 2019

    Corinthians empresta volante Guilherme Mantuan à Ponte Preta

    ver detalhes
  • Sornoza será jogador do Corinthians em 2019, salvo improvável problema médico

    Sornoza agenda exames e deve assinar com Corinthians nesta quarta

    ver detalhes
  • Marciel está fora dos planos da comissão técnica do Corinthians para 2019

    Sem aval de Carille, Marciel não retorna ao Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes