Corinthians pode anunciar naming rights em até 15 dias, diz presidente

Corinthians pode anunciar naming rights em até 15 dias, diz presidente

Por Meu Timão

Em reunião do Conselho, Roberto de Andrade se mostrou esperançoso

Em reunião do Conselho, Roberto de Andrade se mostrou esperançoso

Foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

O Corinthians pode anunciar os naming rights da Arena Corinthians nas próximas duas semanas. A confirmação veio de Roberto de Andrade, presidente do clube, que falou em reunião do Conselho Deliberativo que o acerto pode ser feito em até 15 dias.

As informações são do GloboEsporte. Segundo a publicação, Roberto se mostrou esperançoso com o fundo internacional que negocia para dar nome ao estádio corinthiano. Caso o acerto se confirme, o valor da negociação será utilizado para pagamento ao BNDES, pelo empréstimo dado para a construção da arena.

A reunião tinha como uma das principais pautas a apresentação do balanço financeiro de 2015. No entanto, a leitura dos dados no projetor não estava muito visível e a apresentação foi adiada para a próxima terça-feira, dia 26 de abril.

Ainda de acordo com a reportagem, André Negão, vice-presidente do clube, investigado pela Operação Lava-Jato por supostamente ter recebido propinas da Odebrecht, ficou durante pouco tempo na reunião e não se pronunciou sobre as investigações. Na semana passada, o dirigente apresentou sua defesa ao Conselho de Ética do Timão.

Veja Mais:

  • Carille durante vitória do Corinthians em Osasco

    Carille diz qual foi maior trunfo do Corinthians em vitória sobre Audax

    ver detalhes
  • Atacante turco marcou o único gol da partida

    Kazim marca único gol da partida e Corinthians vence o Audax pelo Paulistão

    ver detalhes
  • Veja o gol da partida Audax 0x1 Corinthians

    VÍDEO: Veja o gol da partida Audax 0x1 Corinthians

    ver detalhes
  • Cássio acabou eleito o melhor em campo diante do Osasco Audax

    Reforço brilha, outro vai mal e veterano leva título de craque da partida

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes