Corinthians/Americana é derrotado em casa e vê rival abrir 2 a 0 na final da LBF

Corinthians/Americana é derrotado em casa e vê rival abrir 2 a 0 na final da LBF

Por Meu Timão

Com nova derrota, Timão agora precisa vencer o terceiro jogo da série para seguir na briga pelo título

Com nova derrota, Timão agora precisa vencer o terceiro jogo da série para seguir na briga pelo título

Foto: Gaspar Nobrega/Inovafoto

O Corinthians/Americana bem que tentou, mas não conseguiu ser páreo para um imponente Sampaio Basquete (MA) dentro de seus domínios. Na noite desta terça-feira, as meninas do Timão foram superadas pelo adversário maranhense por 66 a 83, no ginásio do Centro Cívico, em Americana (SP).

A equipe alvinegra agora acumula duas derrotas na série de cinco jogos da final da Liga de Basquete Feminino (LBF), já que acabou derrotada pelo mesmo rival no último domingo (17), por 58 a 81, em Americana. O próximo – e decisivo – embate está marcado para domingo (24), às 14h30 (de Brasília), no ginásio Castelinho, em São Luís (MA). O duelo terá a transmissão ao vivo do canal SporTV.

O JOGO

Apesar de mandante, o Corinthians/Americana viu o adversário impor seu ritmo e ser amplamente superior nos arremessos. Veterana, ala Iziane chamava a responsabilidade e comandava o ataque do Sampaio Basquete, que marcou 26 pontos no primeiro quarto e abriu 14 sobre as donas da casa, irreconhecíveis sob a tutela do técnico Antonio Carlos Vendramini.

Atrás do placar, as meninas do Timão entraram ligadas no segundo período e, lideradas pela pivô Damiris, destaque da equipe na competição, acertaram a marcação defensiva e esboçaram a reação. Antes de ir para o vestiário, porém, o Corinthians/Americana viu a vantagem das visitantes aumentar para 16 pontos.

“A intensidade ofensiva delas é extremamente superior. Basquete é jogo de defesa. A gente não consegue marcar, não consegue atacar porque elas estão nos tirando da posição... Desse jeito vamos tomar de quarenta na cabeça e passar vergonha”, lamentou a experiente armadora Karla Costa, responsável por cinco pontos do Corinthians/Americana no segundo quarto.

Assim como no primeiro jogo da final, o Sampaio Basquete ditava o ritmo e não cedia espaços à equipe de Americana, claramente inferior defensivamente. Incomodado com a postura do Timão, Vendramini pedia atenção à marcação e às jogadas de Iziane, cestinha do confronto até então pelo lado maranhense.

Mesmo com atletas “calejadas”, a equipe corinthiana pecava em fundamentos simples e tinha pouca efetividade nos arremessos – foram 16 no terceiro período. A história foi diferente apenas no último quarto, quando o Corinthians/Americana, contagiado pela torcida presente no Centro Cívico, passou a controlar as ações dentro de quadra.

Somente nos últimos dez minutos, as meninas do Timão surpreenderam e marcaram 23 pontos, diminuindo a vantagem adversária e até esboçando a virada. Mas o tempo escasso garantiu o triunfo do Sampaio Basquete por 83 a 66. Com o novo revés, o Corinthians/Americana agora tem a obrigação de vencer o terceiro embate da decisão para seguir na disputa pelo título da LBF.

“Eu acredito (no título). Acho que a gente fez uma boa temporada e a não podemos entrar com esse espírito de ‘estamos errando, abaixo a cabeça’. Tem mais três jogos, não tem nada ganho, elas não são campeãs ainda. Tem mais três jogos para vencer”, declarou a armadora Joice.

A série final

Jogo 1 - 17/04 - Corinthians/Americana 58 x 81 Sampaio Basquete, em Americana (SP)
Jogo 2 - 19/04 - Corinthians/Americana 66 x 83 Sampaio Basquete, em Americana (SP)
Jogo 3 - 24/04, às 14h30 - ginásio Castelinho, em São Luís (MA) - ao vivo no SporTV
Jogo 4* - 26/04, às 19h30 - ginásio Castelinho, em São Luís (MA) - ao vivo no SporTV
Jogo 5* - 30/04, às 10h - Centro Cívico, em Americana (SP) - ao vivo no SporTV

(*) - Se necessário.

Veja Mais:

  • Oswaldo defendeu utilização da cor verde em homenagem à Chapecoense

    Oswaldo comenta tragédia da Chapecoense e é mais um a defender cor verde no Corinthians

    ver detalhes
  • Sala de cabines de TV da Arena passa a ser chamada Lilácio Pereira Jr.

    Corinthians batiza sala de transmissões da Arena em tributo a vítima de acidente

    ver detalhes
  • Golaço de Marlone sobre Cobresal rendeu a ele indicação ao Puskás

    Marlone supera Messi e Neymar e vai à final do Prêmio Puskás da Fifa

    ver detalhes
  • Luidy (boné) conheceu o CT Joaquim Grava na última quinta-feira

    Contratação do Corinthians vai ao CT pela primeira vez

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes