Cássio comemora 'melhor brasileiro da Libertadores', mas confessa: 'A gente nem forçou'

6.2 mil visualizações 34 comentários

Por Meu Timão

Cássio revelou que Corinthians não forçou para golear Cobresal

Cássio revelou que Corinthians não forçou para golear Cobresal

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O Corinthians conquistou, com a goleada sobre o Cobresal, por 6 a 0, a terceira melhor posição na classificação geral da Libertadores na fase de grupos. Graças ao placar elástico, o Timão ultrapassou o Atlético-MG no saldo de gols e se tornou o melhor brasileiro do torneio. O goleiro Cássio, contudo, garantiu que os jogadores nem mesmo estavam se preocupando com tal fato antes de a bola rolar.

"Muito feliz, acho que a gente conseguiu nosso objetivo que era ficar em primeiro, conseguimos classificar com uma rodada de antecedência. Mas a gente quer mais, conseguimos uma bela campanha, mas vamos almejar e ver quem será nosso próximo adversário", declarou, lembrando que o Timão já havia entrada em campo classificado.

"Na verdade a gente sabia, mas a gente nem pensou nisso. A gente tinha o objetivo de ganhar dos dois e garantir a quarta melhor campanha. A gente nem forçou... Fizemos um grande jogo, o time se portou bem, acho que é um resultado justo", completou.

Fato é que agora o Corinthians tem pela frente, na competição sul-americana, a fase de oitavas de final. O provável rival (definido até o fim da noite desta quinta-feira) é o Nacional, do Uruguai. Cássio analisou o confronto:

"Ganha o fator de ser um jogo próximo, não perde na viagem. Às vezes viagens cansativas, altitude, perde um pouco. Vai ser um grande jogo, temos respeito pelo Nacional, mas o Corinthians vem disputando a Libertadores ano a ano. Se confirmar o Nacional, temos o objetivo de passar de fase", disse.

Antes de pensar na fase de mata-mata da Libertadores, contudo, o Corinthians tem um outro desafio pela frente. Neste sábado, a partir das 18h30, o Timão encara o Audax, na Arena, pela semifinal do Campeonato Paulista.

"Temos um grande caminho pela frente, tanto na Libertadores quanto no Paulista, temos um jogo dificílimo no sábado", ressaltou o camisa 12 do Timão.

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x