Presidente da Conmebol promete ouvir mais clubes e quer final da Liberta inspirada em Champions

Presidente da Conmebol promete ouvir mais clubes e quer final da Liberta inspirada em Champions

Por Meu Timão

Ideia do presidente da entidade é que a final do Libertadores seja disputada em um jogo só

Ideia do presidente da entidade é que a final do Libertadores seja disputada em um jogo só

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

A Conmebol promoveu algumas mudanças na Libertadores neste ano. Para Alejandro Domínguez, presidente da entidade desde janeiro, a intenção é sejam feitas outras alterações, entre elas uma modificação no formato para que o torneio fique mais parecido com a Liga dos Campeões, na qual a final é disputada em jogo único em uma sede definida antes do início da competição.

“Gostaria que, num curto espaço de tempo, ter só uma final de Libertadores, alternando as sedes dentro dos dez países (filiados à Conmebol). A ideia é que cada país se encarregue de trabalhar para cobrir os valores que os clubes receberiam de ingressos. Os prêmios vão aumentar”, disse Domínguez ao jornal colombiano El Tiempo.

O novo mandatário da entidade ainda se mostra aberto a receber mais a opinião de todas as equipes participantes, ressaltando que isso não era feito nas antigas gestões.

“O calendário é cortado em um momento importante e se prolonga muito. Temos que redesenhar todo e fazer isto em conjunto com os clubes, não só com o ponto de vista da Conmebol, como era no passado, quando os clubes não tinham direito de opinar”, concluiu.

No início deste ano, potencias sul-americanas se uniram reivindicar melhoras nas condições da Copa Libertadores. Em resposta à pressão dos clubes, a Conmebol acabou com a taxa de 10% cobrada da receita bruta da bilheteria e aumentou o valor dado das premiações às equipes no torneio.

Veja Mais:

  • Marquinhos Gabriel é aposta do Corinthians para triunfar em território hostil. Vale a aposta?

    Contra o Racing, Corinthians decide classificação às quartas da Sul-Americana

    ver detalhes
  • Fachada do estádio, no alto, com imagens de ídolos e os anos de glórias

    Estádio do rival do Corinthians cultua e respeita a história de quem fez história pelo clube

    ver detalhes
  • Carille conduziu trabalho do Timão no estádio Presidente Perón

    Carille explica mudanças no Corinthians e pede 'jogo inteligente' por vaga

    ver detalhes
  • Jô falou com a imprensa nesta terça-feira já na Argentina

    Jô admite toque no braço, nega trapaça e abre o jogo sobre polêmica no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes