Corinthians encara Nacional para ‘se livrar de fantasmas’ e avançar na Libertadores

Corinthians encara Nacional para ‘se livrar de fantasmas’ e avançar na Libertadores

Por Lucas Mariano

O Corinthians fez o último treino antes da partida nesta terça-feira, no CT Joaquim Grava

O Corinthians fez o último treino antes da partida nesta terça-feira, no CT Joaquim Grava

Foto: Daniel Augusto/Ag. Corinthians

O Corinthians tem nesta quarta-feira o seu jogo mais importante do ano. Diante de 42 mil corinthianos em seu estádio, a equipe buscará a classificação às quartas de final da Copa Libertadores. O jogo, marcado para as 21h45, é a chance de o Timão se livrar – pelo menos por enquanto – “dos fantasmas” das eliminações na Arena.

Com a proximidade do confronto decisivo, as eliminações mais lembradas são a da Libertadores de 2015, justamente nas oitavas de final, e a mais recente, na semifinal do Paulista, contra o Audax.

“Vamos tirar esse fantasma. Uma hora, a gente vai encaixar uma sequência de vitórias, e todo o mundo vai se esquecer disso. É só um fantasma do futebol, que não levamos para dentro de campo. Contra o Nacional, esperamos o apoio do nosso torcedor”, disse Elias, após treino realizado na Arena na última segunda-feira.

Com o empate sem gols no primeiro jogo, quem vencer, independente do resultado, sai classificado. Em caso de um novo empate por 0 a 0, o jogo vai para os pênaltis. Já o empate com gols dá classificação ao time uruguaio.

Depois de treinar no palco do jogo para ‘calibrar’ a pontaria, o Corinthians finalizou a preparação para a partida no CT Joaquim Grava, nesta terça. Na atividade, Tite definiu o time titular com uma novidade em relação à equipe do primeiro duelo, em Montevidéu, no Uruguai: Giovanni Augusto volta ao time.

Com o retorno do meia, que estava afastado por conta de lesões ligamentares no pé esquerdo, o Timão deve ir a campo com: Cássio, Fagner, Felipe, Yago e Uendel; Bruno Henrique, Giovanni Augusto, Elias, Rodriguinho e Lucca; André.

Apesar de confirmar Giovanni no time titular, Tite disse que o meia ainda não tem condições de jogar durante os 90 minutos. Em seu lugar, Marquinhos Gabriel surge como opção e pode fazer sua estreia com a camisa alvinegra.

Como relacionou apenas 18 atletas, o treinador não terá que fazer cortes antes da partida. Portanto, ele terá à disposição no banco, além de Marquinhos Gabriel, o goleiro Walter, o zagueiro Balbuena, o lateral Edilson, os meias Guilherme e Danilo e o atacante Romero.

Minimizando chances de catimba no confronto decisivo, que espera-se que seja tenso devido à importância que o jogo tem para as duas equipes, Tite destacou a competitividade e que o melhor sairá com a vaga.

“Jogo de duas camisas pesadas. Dois campeões. Nível de competitividade alto e leal tal qual foi. Com qualidade técnica, velocidade nas transições. Mas jogo de futebol. Não consigo ver de outra forma. Amanhã nós vamos ver quem é melhor”, disse o comandante corinthiano.

Antes do confronto, o Nacional fez um treino de reconhecimento na Arena nesta terça e ajustou os últimos detalhes da preparação. Apesar de ter fechado o treino para a imprensa, o treinador Gustavo Munúa deve escalar a mesma equipe do primeiro jogo: Esteban Conde; Jorge Fucile, Mauricio Victorino, Diego Polenta, Alfonso Espino; Santiago Romero, Gonzalo Porras, Leandro Barcia, Sebastián Fernández; Kevin Ramírez e Nicolás López.

Em conversa com a imprensa local antes de viajar a São Paulo, Fucile comentou sobre as expectativas para o jogo e previu um começo intenso, principalmente pela pressão do Timão e de sua torcida.

“Os primeiros minutos de jogos vão ser complicados, nós sabemos. Vão ter minutos que eles vão pressionar muito e vão ter o apoio da torcida também, mas temos que ser o mais forte possível para encarar isso e tentar buscar a vitória”, disse o jogador.

Corinthians e Nacional se enfrentam nesta quarta-feira, às 21h45, na Arena. A arbitragem está sob a responsabilidade do argentino Néstor Pitana. Para comandar o confronto, ele terá como auxiliares Diego Bonfa e Cristian Navarro, também da Argentina. O duelo que definirá mais um classificado às quartas de final da Libertadores será transmitido pela TV Globo em 14 estados do Brasil. Na TV fechada, Fox Sports e SporTV cobrem a partida. Além disso, o duelo decisivo terá transmissão em tempo real do Meu Timão.

Veja Mais:

  • Guilherme Arana é um dos principais jogadores do país em 2017

    Time espanhol trata Arana como prioridade e deve apresentar nova oferta para o Corinthians

    ver detalhes
  • Romero e Balbuena foram convocados pelo técnico Arce

    Lesão não impede convocação de Balbuena; Paraguai libera lista com os jogadores do Corinthians

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians não vê jogo da equipe na TV aberta há quase um mês

    Fiel só tem uma opção para assistir na TV ao jogo do Corinthians contra Chapecoense

    ver detalhes
  • Elias deixou o Corinthians há um ano para reforçar o Sporting, de Portugal

    Por momento ruim do Atlético-MG, Elias cogita retorno ao Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes