Naming Rights: Corinthians confirma 'instituição financeira' e revela inspiração em clube argentino

Naming Rights: Corinthians confirma 'instituição financeira' e revela inspiração em clube argentino

Por Meu Timão

Frases na camisa são homenagens para a torcida do Timão e 'pistas' sobre naming rights

Frases na camisa são homenagens para a torcida do Timão e 'pistas' sobre naming rights

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

O Corinthians, enfim, se aproxima de resolver a novela em que se transformou a negociação pelos naming rights da Arena. Em entrevista concedida à Rádio Bandeirantes, Gustavo Herbetta, diretor de marketing do Corinthians, garantiu que as conversas estão em fase final, confirmou a "instituição financeira" que vem sendo veiculada na imprensa há alguns meses e revelou até mesmo inspiração em um projeto de marketing de um clube argentino.

"Estamos trabalhando nesse projeto complicado, tendo todo o cuidado. A negociação já dura 7 ou 8 meses e não envolve apenas o estádio. Estamos na fase final e estamos nos esforçando ao máximo para concretizar logo. queremos dar essa boa notícia para a torcida em breve", disse.

Especula-se desde o início do ano uma parceria com o Banco Bradesco, que teria participação não apenas no nome do estádio como também no sistema de sócios-torcedores do clube e até nas estampas do uniforme alvinegro. Essa última opção, ao menos no que diz respeito de uma possível estampa da marca da instituição, esfriou após a renovação do contrato entre Corinthians e Caixa, outra empresa do segmento bancário.

"É uma instituição financeira, como a imprensa já especulou. Não temos um prazo. Estamos nos últimos 4 meses trabalhando dia e noite nisso. É toda uma equipe envolvida, inclusive o presidente. É um contrato complexo, tem mais de 700 páginas. O vínculo relacionado ao nome do estádio dura por 20 anos. As outras coisas envolvidas diferem", afirmou.

Uma inspiração citada por Herbetta é o Racing. Em 2010, o clube argentino, onde hoje joga o Óscar Romer, irmão de Ángel, fechou patrocínio master com o Banco Hipotecário. Ao invés de estampar sua marca, no entanto, a empresa preferiu deixar frases em alusão à torcida espalhadas no uniforme. A campanha se intitulou "Racing Dono de sua Camiseta".

"Existem cases que olhamos no mercado. Na argentina, um banco patrocinou um grande clube estampando frases cantadas pela torcida ao invés de um nome. O nível de engajamento que o banco teve foi muito maior. A torcida se sentiu parte do processo. Nós não somos um veículo de mídia. Somos um veículo de conversão de venda de produto", declarou o diretor corinthiano.

Veja Mais:

  • Pablo voltou a sentir dores na coxa e precisou deixar o gramado quarta-feira

    Pablo é diagnosticado com lesão e se torna desfalque do Corinthians

    ver detalhes
  • Clayson pode ser titular contra o Fluminense, mas outros estão no páreo.

    Sem Carille, definição do time titular do Corinthians no Rio é adiada

    ver detalhes
  • Pablo para por até seis semanas no Corinthians

    Médico do Corinthians explica lesão de Pablo e nega relação com contratura

    ver detalhes
  • Carille vive dia complicado nesta sexta-feira

    Carille sofre perda familiar, e Corinthians se solidariza com nota de pesar

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes