Revoltados com eliminação, torcedores tentam invadir vestiário do Corinthians; veja vídeo

Revoltados com eliminação, torcedores tentam invadir vestiário do Corinthians; veja vídeo

Por Meu Timão

90 mil visualizações 382 comentários Comunicar erro

Logo após o término do empate por 2 a 2 do Corinthians com o Nacional (URU), nesta quarta-feira, que culminou na eliminação do clube alvinegro da Copa Libertadores da América, torcedores alvinegros tentaram invadir o vestiário dos jogadores. Os corinthianos, que não têm acesso à área credenciada, foram barrados por seguranças do Timão.

Três torcedores entraram no setor destinado apenas à imprensa e a funcionários do clube. No momento em que notaram a presença dos invasores, os seguranças do Corinthians rapidamente agiram e evitaram maior confusão na área interna da Arena Corinthians.

Os corinthianos entoaram gritos como "time sem vergonha!". Um deles, inclusive, ironizou a segurança do local afirmou que havia entrado no espaço reservado sem dificuldades.

Pelo segundo ano consecutivo, o Timão foi eliminado nas oitavas de final da Libertadores. A equipe alvinegra até conseguiu empatar no confronto desta noite, mas o placar agregado garantiu o avanço do Nacional. A estreia no Brasileiro acontece no próximo dia 15, frente ao Grêmio, em Itaquera.

Confira o vídeo

Veja Mais:

  • Sergio Díaz fez primeiro trabalho com bola desde que chegou ao Corinthians

    Clayson de volta, Díaz em campo e Douglas dúvida; veja as novidades do treino do Corinthians

    ver detalhes
  • Loss trocou algumas vezes o esquema tático durante o jogo contra Grêmio

    Diretoria do Corinthians não aprova vários esquemas táticos de Loss e cobra treinador

    ver detalhes
  • Website da Inoovi, empresa que firmou parceria com o Corinthians

    Corinthians anuncia parceria com empresa de Hong Kong por criptomoeda IVI

    ver detalhes
  • Caixa pode voltar ao espaço nobre da camisa do Corinthians

    Corinthians alinha últimos detalhes para anunciar novo acordo por patrocínio máster

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes