Após exames, novo reforço do Corinthians faz primeiro treino no CT

Após exames, novo reforço do Corinthians faz primeiro treino no CT

Por Lucas Mariano

Camacho treinou no CT Joaquim Grava nesta quinta-feira

Camacho treinou no CT Joaquim Grava nesta quinta-feira

Foto: Meu Timão

Após ser aprovado nos exames médicos no início da semana, o meia Camacho realizou o seu primeiro treinamento junto do grupo do Corinthians na tarde desta quinta-feira. O jogador, no entanto, ainda não assinou contrato e o Corinthians não confirmou a negociação até o momento.

O meia iniciou as atividades junto de todo o grupo e depois foi para um campo separado, onde treinou ao lado de Willians, Léo Príncipe, Pedro Henrique, Matheus Pereira e Guilherme Andrade.

A chegada do meio-campista já era esperada. Um dos destaques do Osasco Audax, o jogador já havia despertado interesse do clube do Parque São Jorge, que aguardava o fim do Campeonato Paulista para iniciar as negociações.

Bruno Paulo, companheiro de Camacho no Audax, foi reprovado nos exames que realizou e ainda não foi visto pelo CT Joaquim Grava. O atacante, no entanto, se manifestou e garantiu que, apesar do problema, iria acertar com o Corinthians.

A apresentação oficial e a assinatura dos contratos é esperada até o final desta semana, já que seus contratos com o time de Osasco se encerram nesta quinta-feira.

Veja Mais:

  • Artilheiro do Brasileirão, Jô pode levar novo gancho do STJD

    Jô e Clayson, do Corinthians, voltam a ser julgados no STJD

    ver detalhes
  • Antonio Roque Citadini é candidato da oposição à presidência do Timão

    Em defesa à Arena, Citadini lembra crime fiscal de Andrés: 'Arrebentou com as finanças'

    ver detalhes
  • Pablo foi campeão paulista e brasileiro pelo Corinthians em 2017

    Corinthians volta a negociar com Pablo e pode contratá-lo para 2018, diz portal

    ver detalhes
  • Vasconcelos deve ter contrato estendido com o Timão até o fim de 2019

    Corinthians prepara extensão de contrato a artilheiro da Copinha

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes