Corinthians faz segundo tempo lamentável, sofre a virada e continua sem vencer no Brasileiro

Corinthians Corinthians 2 x 3 Vitória Vitória

Brasileirão 2016

Corinthians faz segundo tempo lamentável, sofre a virada e continua sem vencer no Brasileiro

Por Meu Timão

Corinthians saiu na frente com Uendel e Fagner mas sofreu a virada

Corinthians saiu na frente com Uendel e Fagner mas sofreu a virada

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Na tarde deste domingo, o Corinthians enfrentou o Vitória no Barradão. A equipe comandada por Tite viajou para Salvador, onde realizou a segunda partida do Campeonato Brasileiro 2016. Atual campeão da competição, o Timão foi atrás da primeira vitória após empatar com o Grêmio na Arena em Itaquera.

O Corinthians foi a campo com duas novidades - a primeira delas foi a oportunidade para o goleiro Walter, que ganhou a vaga do titular Cássio. No setor ofensivo, Romero perdeu a vaga para que Tite pudesse testar a formação com o quarteto Elias, Marquinhos Gabriel, Giovanni Augusto e Guilherme.

Para o treinador corinthiano, o objetivo era "Marcar com dois armadores laterais, com duas linhas de quatro e deixar Guilherme mais adiantado e livre pra criar", afirmou antes da bola rolar no estádio Manoel Barradas.

A formação do Timão, portanto, ficou com o costumeiro 4-1-4-1, com Walter; Fagner, Felipe, Balbuena, Uendel; Bruno Henrique; Elias, Marquinhos Gabriel, Guilherme, Giovanni Augusto e no ataque o camisa 9, André.

Primeiro tempo

O jogo começou com a iniciativa do mandante, que foi o primeiro a exigir uma bela defesa de Walter com 2 minutos de partida. O Corinthians, porém, se mostrou atento e inverteu a pressão, com bela jogada de Marquinhos Gabriel que quase marcou de cobertura.

A partir daí, o Timão mostrou o potencial ofensivo e criou muitas chances, sem conseguir, porém, converter os gols. Apesar disso ficou claro que era questão de tempo furar a desorganizada defesa do Vitória - aos 25 minutos, Uendel, livre, recebeu um cruzamento de Guilherme e avançou na área de Fernando para bater rasteiro e abrir o placar.

O tento deixou a equipe menos concentrada e num erro de marcação, cinco minutos depois, Leandro Domingues empatou o jogo para o time da casa. Depois do vacilo, o Timão se levantou e buscou novamente a vantagem e conseguiu desempatar novamente aos 38 minutos. Com o placar de 2 a 1 para o Corinthians, as equipes deixaram o campo rumo aos vestiários.

Segundo tempo

A partida recomeçou e o Corinthians não mostrou o mesmo desempenho da primeira etapa. A equipe caiu de rendimento e viu o Vitória crescer em campo, ameaçando a defesa alvinegra. Com pouca técnica, mas muita vontade a equipe baiana se sobrepôs e passou a ditar o ritmo do jogo.

O Timão sofreu especificamente do lado direito, e viu Fagner e Felipe caírem de produção na segunda etapa. Por esse setor, aos 11 minutos de jogo, começou a jogada que culminou com um novo empate do Vitória.

No setor ofensivo, mais uma vez, o Corinthians não conseguiu acertar o último passe e praticamente não ameaçou no segundo tempo. As tentativas no ataque, porém, abriram espaço no campo defensivo e no contra-ataque, aos 19 minutos, levou a virada após Kieza sair cara a cara com Walter.

Com a desvantagem no placar, a primeira mudança veio aos 24 minutos: Marlone entrou no lugar de Marquinhos Gabriel. A segunda alteração foi a entrada de Romero no lugar de Giovanni Augusto, aos 31 minutos. Aos 42 minutos, o Vitória teve um jogador expulso por reclamar após receber o cartão amarelo. Ainda assim, a equipe não conseguiu reverter o resultado.

Com o resultado, o Corinthians continua sem conseguir vencer no Brasileirão, e perdeu a oportunidade de pontuar contra um adversário que, apesar de mais fraco tecnicamente, errou menos e perdeu menos chances contra a equipe comandada por Tite.

O próximo jogo do Corinthians acontece na próxima quinta-feira, às 11 horas, durante o feriado de Corpus Christi. A equipe enfrenta a Ponte Preta, na Arena Corinthians, em partida que teve datas e horários alterados por duas vezes.

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a partida entre Corinthians e Vitória

  • 1000 caracteres restantes