Em rede social, Corinthians deixa mensagem de repudio à violência contra mulheres

Em rede social, Corinthians deixa mensagem de repudio à violência contra mulheres

Por Meu Timão

O Corinthians, mais uma vez, se posicionou contra as injustiças ocorridas no universo fora do futebol. Na manhã deste sábado, o clube postou uma mensagem em relação à campanha que reprova qualquer tipo de violência ou assédio em mulheres. O ato ganhou força após uma jovem ser estuprada por mais de 30 homens no Rio de Janeiro.

Por meio de uma de suas redes sociais, o Timão repudiou ações contra às mulheres e ressaltou o direito de liberdade, relatando com fotos de corinthianas presentes na Arena: “Lugar de mulher é onde ela quiser. Ela se veste como quiser! Tolerância zero à violência à mulher #EstuproNuncaMais”

Como de costume, o Corinthians busca divulgar campanhas, além de se solidarizar com o intuito de atingir e conscientizar grande parte dos torcedores. No última partida do Timão, na vitória por 3 a 0 sobre a Ponte Preta, uma ação em prol da ONG “Mães em Luta”, que presta auxilio a parentes de crianças desaparecidas, foi realizada antes da bola rolar na Arena Corinthians.

Confira a mensagem publicada pelo Timão

Veja Mais:

  • Nenê foi oferecido nos últimos dias para a diretoria do Corinthians

    Nenê é oferecido ao Corinthians; até troca com dois jogadores alvinegros é sugerida

    ver detalhes
  • Desde agosto no Leganés, Luciano atuou em 27 jogos e marcou quatro gols, um deles sobre o Real Madrd

    Com sondagens de México e Turquia, corinthiano Luciano tem semana decisiva na Espanha

    ver detalhes
  • Zagueiro tem 29 jogos pelo Corinthians: 14 vitórias, dez empates e apenas cinco derrotas

    Novo titular, Pedro Henrique 'perdoa' Guerrero e fala grosso: 'Corinthians briga para ser campeão'

    ver detalhes
  • Mendoza e Bruno Paulo não jogaram nenhuma partida oficial pelo Corinthians em 2017

    Por que Marciel, Mendoza e Bruno Paulo estão sumidos no Corinthians? Carille responde

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes