Lateral santista fez gestos obscenos à torcida do Corinthians

Lateral santista fez gestos obscenos à torcida do Corinthians

Por Meu Timão

Zeca foi vaiado e revidou mostrando o dedo do meio

Zeca foi vaiado e revidou mostrando o dedo do meio

Foto: Reprodução / Periscope

Após a vitória do Timão contra o Santos no clássico disputado na Arena Corinthians, o lateral-esquerdo Zeca, da equipe santista, acabou perdendo a cabeça e fazendo gestos obscenos para a torcida corinthiana.

Na ocasião, Zeca foi um dos últimos a deixar o gramado. O atleta santista reclamava com o árbitro Leandro Pedro Vuaden após o término da partida. Quando o jogador decidiu caminha em direção aos vestiários, Zeca foi vaiado por torcedores do Corinthians e respondeu mostrando o dedo do meio para os donos da casa.

A imagem poderia passar despercebida já que não estava sendo televisionada, mas a equipe de comunicação do Corinthians transmitia ao vivo o pós-jogo por meio do aplicativo Periscope, para smartphones.

Perturbado dentro de campo, Zeca também discutiu com Fagner dentro de campo durante o segundo tempo e foi o primeiro jogador a receber cartão amarelo durante o clássico.

A imagem poderia passar despercebida já que não estava sendo televisionada, mas a equipe de comunicação do Corinthians transmitia ao vivo o pós-jogo por meio do aplicativo Periscope, para smartphones.

Veja Mais:

  • Filha dá resposta sensacional ao pai palmeirense: 'Vai, Corinthians'

    Pai força garotinha a cantar música do Palmeiras, e ela surpreende com um 'Vai, Corinthians!'

    ver detalhes
  • Gaviões da Fiel se unirá as outras torcidas organizadas paulitas neste domingo

    Organizadas rivais de São Paulo se unem em evento no Pacaembu em homenagem à Chape

    ver detalhes
  • Arana pode se transferir para a Inter de Milão nos próximos dias

    Com oferta na mão, Corinthians espera retorno de presidente para definir venda de Arana

    ver detalhes
  • Corinthians optou por não utilizar redes sociais em respeito ao momento

    Corinthians suspende redes sociais em dia de velório coletivo da Chapecoense

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes