Corinthians x Palmeiras

Pelo Campeonato Paulista, o Corinthians enfrenta agora o Palmeiras

Acompanhe ao vivo

Diretor vê pivô de escândalo nos planos do Corinthians, mas diz não acompanhar o caso

Diretor vê pivô de escândalo nos planos do Corinthians, mas diz não acompanhar o caso

Por Meu Timão

Alyson Motta tem 16 anos e teria sido enganado pelo agente com quem trabalhava

Alyson Motta tem 16 anos e teria sido enganado pelo agente com quem trabalhava

Foto: Reprodução/Facebook

Personagem central da polêmica que vem agitando as categorias de base do Corinthians nas últimas semanas, Alyson Motta está nos planos do clube alvinegro. Ao menos é o que sinalizou o diretor do departamento de futebol amador do Timão, José Onofre de Souza Almeida.

Em entrevista concedida no estádio do Pacaembu, o mandatário das categorias de base do Corinthians negou que ele esteja sendo afastado dos treinos no Parque São Jorge e projetou o jovem para o futuro do Timão.

"O Corinthians gosta do Alyson, ele só precisa trabalhar ele, a cabeça dele. Mas é um jogador bom, está nos nossos planos, inclusive. Com certeza, se continuar no Corinthians, vai crescer como os outros que estão no Corinthians", disse.

Um dos alvos da sindicância aberta pelo Comitê de Ética do Conselho Deliberativo do Corinthians, Onofre evitou falar sobre a venda irregular de direitos de Alyson. O principal responsável pelas categorias de base alegou estar por fora das novidades acerca de um dos maiores escândalos já expostos no futebol amador corinthiano.

"Isso está na mão do jurídico do Corinthians, não tenho nem acompanhado, mas o Alyson está aí, está treinando, está lá com a gente. Existe uma outra parte que é a política que eu não participo. Existe uma sindicância no Corinthians que eles estão resolvendo lá", afirmou.

O Caso - Julio Cesar Polizeli, ex-empresário de Alyson e acusado de ameaçar de morte a família do jogador, em conluio com o ex-gerente da base alvinegra Fabio Barrozo e o conselheiro vitalício do clube Manoel Ramos Evangelista (Mané da Carne), teria vendido 20% dos direitos econômicos de Alyson de forma irregular ao empresário Helmut Niki Apaza. Este, por sua vez, afirma ter sido enganado e ameaça entrar na Justiça contra o Corinthians.

Veja Mais:

  • Corinthians x Palmeiras

    Na Arena Corinthians, o Timão enfrenta o Palmeiras pelo Campeonato Paulista

    ver detalhes
  • Kazim ganha nova chance no ataque do Corinthians no Dérbi

    Corinthians divulga escalação para clássico contra o Palmeiras; veja novidades

    ver detalhes
  • Marlone está fora do clássico

    Corinthians perde Marlone para o Dérbi na Arena

    ver detalhes
  • Camacho faz post emocionante sobre pai e agradece torcidas

    Camacho faz post emocionante sobre pai e agradece torcidas

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes