Para se manter na liderança, Timão visita Palmeiras em Dérbi sem a Fiel

Para se manter na liderança, Timão visita Palmeiras em Dérbi sem a Fiel

Por Meu Timão

Último encontro entre os dois clubes terminou com derrota do Timão em 1 a 0, pelo Campeonato Paulista

Último encontro entre os dois clubes terminou com derrota do Timão em 1 a 0, pelo Campeonato Paulista

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Depois de vencer o Coritiba por 2 a 1 e ficar com uma semana livre para treinamentos, o Corinthians volta a campo neste domingo. O Timão faz o clássico paulista diante do Palmeiras, às 16h, no Allianz Parque, em duelo válido pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro.

Embalado por quatro vitórias consecutivas (Ponte Preta, Sport, Santos e Coritiba), a equipe comandada pelo técnico Tite espera manter a boa forma e somar mais três pontos jogando fora de casa. Após confronto diante do Palmeiras, o Timão volta à maratona apertada de jogos e entra em campo na quinta-feira, diante do Fluminense.

Com as vitórias de Grêmio e Internacional na abertura da rodada, adversários diretos pela liderança, o Timão ocupa a terceira colocação, somando 13 pontos. Na sequência, dono da quarta melhor campanha, aparece o Palmeiras, com 12 pontos ganhos, também na briga pelo topo da classificação.

Confiante, o rival vem de duas vitórias na competição e almeja utilizar o clássico para ultrapassar o Timão na tabela. O Palmeiras venceu Flamengo e Grêmio nas últimas rodadas, outros dois clubes que figuram as primeiras colocações da classificação.

O Timão deve vir com novidade no setor defensivo. O zagueiro Yago, que já cumpriu a suspensão após ser pego no exame antidoping, está à disposição do técnico Tite e deve iniciar a partida no lugar do jovem Pedro Henrique, titular na última partida. O camisa 3 do Timão, terá Felipe como seu companheiro na zaga, no duelo que deve marcar a última partida do zagueiro pelo Timão antes de sua transferência ao Porto.

Além da alteração na setor defensivo, o meia Giovanni Augusto, que iniciou o duelo diante do Coritiba no banco de reservas, deve retornar à equipe titular. Consequentemente, Marlone, volta a marcar presença entre os suplentes.

A dúvida fica por conta da escalação do meia Guilherme. Ausente nos dois últimos dias de treinamento, o camisa 10 luta contra o tempo para se recuperar de uma pancada no joelho. Caso não tenha condições de jogo, a tendência é que Danilo inicie o clássico.

Com a confirmação do técnico Tite prevista para instantes antes da partida, a provável equipe que entra em campo no clássico é: Walter; Fagner, Felipe, Yago e Uendel; Cristian e Bruno Henrique; Giovanni Augusto, Guilherme e Marquinhos Gabriel; Luciano.

Ainda sem poder relacionar Vilson, que se recupera de um edema na coxa direita, além de Balbuena, que foi eliminado com a seleção paraguaia neste sábado, Tite conta apenas com um zagueiro no banco de reservas, o jovem Pedro Henrique.

Com isso, o treinador corinthiano terá à disposição como opções na equipe o goleiro Cássio, o zagueiro Pedro Henrique, o lateral Guilherme Arana, os volantes Maycon, Camacho e Willians, os meias Danilo, Marlone e Rodrguinho, além dos atacantes André, Lucca e Romero.

Apesar das dificuldades de jogar o clássico fora de casa e sem o apoio da Fiel, tendo em vista que o duelo terá torcida única, o meia Giovanni Augusto acredita no potencial do elenco para conquistar a vitória. O jogador ainda recordou o duelo pelo Campeonato Paulista entre as duas equipes, quando o Timão saiu derrotado por 1 a 0.

“Tratando-se de Corinthians, sempre vai ter pressão, sempre vai ter aquele objetivo de vencer, ainda mais em clássico. Então acho que temos que entrar com espírito de guerra, espírito de revanche, sim. Até porque é nosso principal rival, é um time que sem dúvida vai brigar para ser campeão também, então temos que encarar esse jogo como uma final. Tenho certeza que nossa equipe está preparada para fazer um grande jogo”, declarou o camisa 17.

Pelo lado adversário, Cuca também tem em mente a dificuldade de enfrentar o Timão. Na visão do treinador palmeirense, o estilo de jogo montado por Tite é o melhor do Brasil e exige muita atenção para ser anulado.

"O padrão de jogo deles é o que mais me chama a atenção. O time não se apavora. Às vezes não ganham um jogo no começo, só no final, mas conseguem ter paciência. Eu me preocupo com o geral, não só com os lados do campo. A bola parada deles é boa, eles têm jogadores inteligentes, a saída do segundo volante é qualificada. É um time que tem sido o melhor ao longo dos últimos dois, três anos", disse Cuca.

Com objetivo de vencer o clássico diante de seus torcedores, Cuca optou por fechar o último treinamento antes da partida para a imprensa, método também utilizado no Corinthians.

Assim como Tite, o treinador palmeirense também não confirmou a equipe que vai a campo. A provável escalação é: Fernando Prass; Tchê Tchê, Thiago Martins, Edu Dracena e Fabrício (Zé Roberto); Jean e Matheus Sales; Róger Guedes, Moisés (Cleiton Xavier) e Dudu; Gabriel Jesus.

Corinthians e Palmeiras duelam em confronto válido pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. A bola rola no Allianz Parque a partir das 16h, e terá como árbitro principal Raphael Claus. Como auxiliares, o paulista terá Emerson Augusto de Carvalho e Rogerio Pablos Zanardo, também de São Paulo. Além de ser transmitido pela TV Globo e Premiere, a partida também contará com cobertura em tempo real do Meu Timão.

Veja Mais:

  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Maycon conta com o aval de Oswaldo de Oliveira para retorno

    Retorno de Maycon minimiza necessidade por contratação de volante no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes