Árbitro abusa de cartões contra Corinthians e irrita Tite ao 'compensar' em palmeirense

Árbitro abusa de cartões contra Corinthians e irrita Tite ao 'compensar' em palmeirense

Por Meu Timão

Jean, do Palmeiras, leva cartão durante o Dérbi

Jean, do Palmeiras, leva cartão durante o Dérbi

Foto: Reprodução/TV

O primeiro tempo do clássico entre Corinthians e Palmeiras, disputado na tarde deste domingo no Allianz Parque, pelo Brasileirão, foi marcado pelo excesso de cartões amarelos a jogadores do Timão pelo árbitro Raphael Claus.

Somente nos 45 minutos iniciais da partida, Giovanni Augusto, Cristian e Felipe acabaram amarelados em lances no mínimo questionáveis. No caso do volante, o cartão rendeu a suspensão para o jogo da próxima quinta-feira, contra o Fluminense.

O exagero de marcações de Claus tirou Tite do sério. Tamanha foi a irritação do treinador do Corinthians que, até quando um jogador do Palmeiras levou cartão, o comandante alvinegro reclamou.

Logo após a aplicação do cartão amarelo para o palmeirense Jean, Tite disparou contra Claus na beira do gramado: "Essa também não era para cartão. Ele [o árbitro] compensou", disse o treinador, conforme vazado na transmissão da televisão pelos microfones localizados no campo.

Vale lembrar que o Corinthians encerrou a última rodada do Brasileirão na liderança justamente pelo critério de disciplina, que leva em consideração o número de cartões para desempatar.

Veja Mais:

  • Jadson deve ser opção a partir da próxima quarta-feira, dia 1

    Jadson confirma que se colocou à disposição para enfrentar o Palmeiras e crava jogo da reestreia

    ver detalhes
  • Fellipe Bastos, à direita, deve retornar ao time; Léo Jabá é dúvida

    Corinthians terá ao menos uma mudança na escalação para encarar Palmeiras

    ver detalhes
  • Sanchez e Roberto de Andrade seguem aliados na política do Corinthians

    Fortalecido após veto do impeachment, Andrés Sanchez cogita voltar à presidência do Corinthians

    ver detalhes
  • Roberto de Andrade assumiu presidência do Corinthians em fev/2015 e segue até fev/2018

    Conselheiros barram votação do impeachment, e Roberto de Andrade segue presidente do Timão

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes