Árbitro que anulou gol corinthiano no clássico se cala ao deixar estádio

Árbitro que anulou gol corinthiano no clássico se cala ao deixar estádio

Por Meu Timão

8.4 mil visualizações 101 comentários Comunicar erro

Raphael Claus foi protagonista de polêmica no Dérbi

Raphael Claus foi protagonista de polêmica no Dérbi

Protagonista da polêmica que marcou a derrota do Corinthians por 1 a 0 para o Palmeiras, nesse domingo, no Allianz Parque, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro, o árbitro Raphael Claus preferiu o silêncio a possíveis explicações para o gol mal anulado de Bruno Henrique.

Ao deixar o estádio do Palmeiras, Claus foi questionado pela imprensa sobre o lance, mas respondeu de maneira sucinta: "Não tenho nada a dizer. A imagem fala mais".

A imagem citada por Claus é a de Fernando Prass subindo para agarrar a bola ao lado de Felipe. O goleiro, no entanto, se choca com o também palmeirense Thiago Martins. Ao trombar com o colega de equipe, o arqueiro solta a bola, e Bruno Henrique chuta para o gol.

Apesar de se calar, o árbitro, aparentemente, viu falta de Felipe em Prass. Tal marcação foi duramente criticada pelo técnico Tite e rendeu até comparação sobre o também polêmico jogo entre Corinthians e Palmeiras pela final do Paulistão de 1993, num 12 de junho.

Veja Mais:

  • Dupla voltou de Chapecó com problemas físicos e pode se tornar baixa

    Dupla será reavaliada e pode se juntar a Cássio como desfalque para Corinthians no sábado

    ver detalhes
  • Gustavinho foi um dos destaques do Timão em vitória diante do América

    Em recuperação, Corinthians conquista segunda vitória no Campeonato Paulista de Basquete

    ver detalhes
  • Jadson marcou de falta o gol contra a Chapecoense, pela Copa do Brasil

    Análise: Corinthians garante classificação na Copa do Brasil e sofre pouco diante da Chapecoense

    ver detalhes
  • Guilherme Arana fez seu primeiro gol com a camisa do Sevilla

    Ex-Corinthians, Arana marca pela primeira vez em goleada do Sevilla; veja vídeo do golaço

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes