Árbitro que anulou gol corinthiano no clássico se cala ao deixar estádio

Árbitro que anulou gol corinthiano no clássico se cala ao deixar estádio

Por Meu Timão

8.4 mil visualizações 101 comentários Comunicar erro

Raphael Claus foi protagonista de polêmica no Dérbi

Raphael Claus foi protagonista de polêmica no Dérbi

Protagonista da polêmica que marcou a derrota do Corinthians por 1 a 0 para o Palmeiras, nesse domingo, no Allianz Parque, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro, o árbitro Raphael Claus preferiu o silêncio a possíveis explicações para o gol mal anulado de Bruno Henrique.

Ao deixar o estádio do Palmeiras, Claus foi questionado pela imprensa sobre o lance, mas respondeu de maneira sucinta: "Não tenho nada a dizer. A imagem fala mais".

A imagem citada por Claus é a de Fernando Prass subindo para agarrar a bola ao lado de Felipe. O goleiro, no entanto, se choca com o também palmeirense Thiago Martins. Ao trombar com o colega de equipe, o arqueiro solta a bola, e Bruno Henrique chuta para o gol.

Apesar de se calar, o árbitro, aparentemente, viu falta de Felipe em Prass. Tal marcação foi duramente criticada pelo técnico Tite e rendeu até comparação sobre o também polêmico jogo entre Corinthians e Palmeiras pela final do Paulistão de 1993, num 12 de junho.

Veja Mais:

  • Renan Areias (no centro) está no Corinthians desde os seis anos de idade

    Corinthians empresta capitão do Sub-20 para o Red Bull Brasil

    ver detalhes
  • Fessin já marcou três gols pelo Corinthians no Paulista Sub-20

    Fessin marca, Corinthians vence no Paulista Sub-20 e diminui distância para rival

    ver detalhes
  • Corinthians fechou a primeira fase na liderança e invicto no Paulista Feminino

    Corinthians vence Portuguesa e fecha primeira fase do Paulista Feminino líder invicto

    ver detalhes
  • Corinthians de Ronaldo foi eliminado pelo Tolima em 2011 e mesmo assim Tite seguiu como técnico

    Tite/11 x Loss/18: diferenças e semelhanças entre as crises corinthianas comparadas por Andrés

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes