Relembre momentos marcantes de Tite no Corinthians

Relembre momentos marcantes de Tite no Corinthians

'A favela está aqui', diz a faixa estendida por Tite após a conquista do Mundial de 2012

'A favela está aqui', diz a faixa estendida por Tite após a conquista do Mundial de 2012

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

“Olê, olê, olê, olê... Tite, Tite!”

Tite é o novo técnico da Seleção Brasileira. Multicampeão pelo Corinthians, o treinador aceitou o convite da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) para assumir o Brasil a dois anos da Copa do Mundo de 2018. Em homenagem ao agora ex-comandante alvinegro e ídolo da Fiel, o Meu Timão relembra alguns momentos marcantes dele pelo Parque São Jorge. Acompanhe abaixo:

“Fala muito!”

No Dérbi válido pelas semifinais do Campeonato Paulista de 2011, Tite, no calor do jogo, usou apenas algumas palavras – duas, no caso – para se dirigir a Luiz Felipe Scolari, então técnico do Palmeiras, que reclamava da arbitragem. “Fala muito, fala muito!”, esbravejou o corinthiano.

No meio da Fiel na Libertadores

No duelo de volta diante do Vasco pela Copa Libertadores da América de 2012, Tite acabou expulso do banco de reservas. No entanto, em vez de se dirigir às tribunas do estádio do Pacaembu, decidiu acompanhar o confronto decisivo de um lugar um tanto diferente, mas especial: a arquibancada. No meio da Fiel, aliás, ele comemorou o gol da classificação, marcado por Paulinho.

Despedida no Pacaembu

O dia 30 de novembro de 2013 está eternizado na memória dos mais de 33 mil corinthianos que compareceram ao estádio do Pacaembu. Naquela noite, a Fiel deu um “até breve” para Tite, que deixou o comando do clube um ano depois de erguer os troféus da Copa Libertadores e do Mundial de Clubes da Fifa. “Não sei dimensionar, não tenho palavras para dizer. Agradecer é a mínima reação que tenho. Sou um cara privilegiado, abençoado. Acho que Papai do Céu me deu a luz para seguir um caminho legal”, disse, na ocasião.

Mundial no Japão (The Favela is Here)

Depois de capitanear o Corinthians ao bicampeonato mundial, com direito a vitória sobre o Chelsea (ING) na decisão, Tite fez questão de exaltar parte fundamental da trajetória alvinegra: os mais de 30 milhões de “loucos do bando”. Diante dos holofotes internacionais, o técnico ergueu uma faixa com os dizeres “The favela is here” em pleno solo japonês.

Comemoração do Hexa

A comemoração do hexacampeonato brasileiro, sem dúvida alguma, está entre os principais momentos de Tite no Timão. Depois de perder jogadores como Paolo Guerrero e Emerson Sheik, o comandante alcançou o que parecia impossível: remontou o Corinthians e liderou jogadores como Jadson e Vagner Love, antes criticados, à ascensão. No dia 19 de novembro de 2015, com o empate em 1 a 1 frente ao Vasco, a felicidade estampada no rosto do emblemático treinador gaúcho era indescritível.

Veja Mais:

  • Pedrinho passa por trote e ataca de cantor na concentração do Corinthians

    Pedrinho passa por trote e ataca de cantor na concentração do Corinthians

    ver detalhes
  • Mario Celso Petraglia, presidente do Conselho do Atlético-PR, citou o Corinthians para falar da grama sintética

    Veto à grama sintética faz presidente do Atlético-PR criticar cota de TV do Corinthians

    ver detalhes
  • Maycon e Léo Jabá, formados na base, encaram Brusque nesta noite

    Corinthians visita o Brusque para seguir na Copa do Brasil e manter embalo

    ver detalhes
  • Programa de sócios do Corinthians volta a ter 100 mil torcedores

    Corinthians atualiza número de sócios-torcedores e volta ao patamar de 100 mil

    ver detalhes

Quais recordações você tem do Tite no Timão?

  • 1000 caracteres restantes