Após seis rodadas de rodízio, Mano espera mais: 'É pouco para se empolgar'

Técnico lembra que equipe ainda está na teoria e precisa confirmar em campo a qualidade. Contra Sertãozinho, último jogo de testes
Mano conversa com jogadores em treino

Mano conversa com jogadores em treino

Foto: Agência/Estado

Aos poucos, o Corinthians vai ganhando forma para disputar a Taça Libertadores. Neste sábado, o Timão enfrenta o Sertãozinho, às 17h, no Pacaembu, pelo Paulistão, no último jogo que será utilizado pelo técnico Mano Menezes para mesclar titulares e reservas. Depois de muitas experiências nos seis primeiros jogos da equipe na competição, o treinador contém a empolgação pela campanha e, mais uma vez, defende o rodízio implantado também em outros times, como o rival São Paulo.

- Por enquanto, o time é uma teoria e agora vai começar a dar os primeiros passos na prática. É pouco para se empolgar. Quando acontece um resultado negativo, vem a crítica, mas é muito pouco para ter preocupação. Estamos em um estágio que todo mundo está – afirmou o treinador, referindo-se à derrota para a Ponte Preta que derrubou o clube da primeira para a quinta colocação.

Mano aproveitou o início do Paulistão para dar ritmo aos jogadores do elenco, principalmente porque precisará utilizar praticamente todos quando a Libertadores começar, dia 24, contra o Racing-URU, no Pacaembu. Dos 32 atletas do grupo, apenas os goleiros reservas Julio Cesar e Danilo, o garoto Dodô e os últimos contratados, Leandro Castán e Moacir, ainda não jogaram.

O treinador, porém, se irritou com alguns comentários que ouviu na imprensa criticando o planejamento alvinegro de alterar a equipe de rodada para rodada. Segundo ele, o Timão vem evoluindo gradativamente.

- Uma hora, o planejamento de rodízio é bom, é o melhor para se fazer. Depois, na outra semana, já se critica, porque funcionário normal não faz rodízio. Para quem comanda, não pode haver tanta oscilação. Temos que ter uma conduta. Acho que estamos conseguindo fazer bem feito e a equipe precisa confirmar aos poucos sua evolução – completou.

Fonte: Globo Esporte

Após seis rodadas de rodízio, Mano espera mais: 'É pouco para se empolgar' Após seis rodadas de rodízio, Mano espera mais: 'É pouco para se empolgar' 0

Veja Mais:

  • Jadson pode ser o primeiro grande reforço do Timão em 2017

    [Marco Bello] Jadson pode ser o primeiro grande reforço do Timão em 2017

    ver detalhes
  • Roberto de Andrade tem buscado diminuir dívidas do Corinthians a longo prazo

    Corinthians abre números, mostra dívidas diminuírem e tem lucro parcial em 2016

    ver detalhes
  • De volta ao Timão, Marciel deve enfrentar Botafogo neste sábado

    Sem Cássio, Carille surpreende e promove duas mudanças no time para pegar Botafogo

    ver detalhes
  • Carille terá 22 jogadores à disposição neste sábado contra o Botafogo

    Com só dois meias, Carille relaciona 22 jogadores contra o Botafogo

    ver detalhes

Você concorda com o rodízio do Corinthians?

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes