Título do Paulista de 1999 sobre o Palmeiras completa 17 anos

2.5 mil visualizações 57 comentários

Por Meu Timão

Edílson fazendo embaixadinhas no segundo jogo da final no Morumbi

Edílson fazendo embaixadinhas no segundo jogo da final no Morumbi

Reprodução

Há exatos 17 anos, o Corinthians sagrou-se campeão paulista sobre o Palmeiras, em um duelo cercado por muita polêmica, tensão e disputa entre as duas equipes. Eternizado na memória da Fiel como a partida das embaixadinhas de Edílson, a partida terminou com uma confusão generalizada entre os jogadores dos dois clubes.

Classificado para fase de mata-mata com uma campanha de não muito destaque, o Timão avançou à semifinal somando oito vitórias, dois empates e seis derrotas. Apesar do rendimento mediano, a equipe comandada pelo técnico Oswaldo de Oliveira deixou evidente seu potencial a partir dos jogos eliminatórios.

No jogo de ida da semifinal, diante do São Paulo, o Corinthians aplicou uma goleada de 4 a 0 e praticamente garantiu seu lugar na decisão do estadual. No duelo de volta, as duas equipes empataram em 1 a 1, o que confirmou a presença do Timão na final, em outro clássico, desta vez diante do Palmeiras.

O clima e ambiente entre os jogadores era de tensão, afinal, o adversário tinha sido o carrasco do Timão naquele ano na Libertadores, o que estreitou ainda mais a rivalidade entre os clubes. No primeiro confronto, o Timão dominou as ações da partida e conseguiu uma importante vitória por 3 a 0, com gols de Edílson, Marcelinho Carioca e Dinei.

No segundo e decisivo embate, podendo perder por até dois gols de diferença, o Corinthians saiu na frente do placar novamente com Marcelinho Carioca. O Palmeiras, determinado em dificultar o caminho do Timão, virou a partir com Evair, por duas vezes. Porém, na sequência, Ricardinho roubou a bola de Marcos e rolou para Edílson, que também havia marcado no jogo de ida, deixar o dele e dar números finais, 2 a 2.

O Capetinha, como é conhecido pela Fiel, pegou a bola no meio de campo e começou a fazer embaixadinhas. A atitude do camisa 10 do Timão gerou enorme revolta entre os palmeirenses, que partiram para a agressão, transformando o gramado do Morumbi em um palco de briga entre membros das duas equipes.

O fato, entretanto, não impediu o Corinthians de levantar seu 23º título do Campeonato Paulista e festejar a conquista junto aos torcedores presentes no estádio do Morumbi.

Veja Mais:

  • Em 2016, o Corinthians comprou 50% dos direitos econômicos de Marlone por R$ 4 milhões; pelo acordo, o Timão pagaria duas parcelas de R$ 500 mil e outras 20 parcelas mensais de R$ 150 mil

    Corinthians tenta efeito suspensivo para evitar cobrança de R$ 2,1 milhões na Justiça, que é negado

    ver detalhes
  • Último jogo do Corinthians no domingo à tarde na Neo Química Arena foi contra o Vasco, no Brasileiro

    Corinthians vai atuar pela primeira vez na temporada em um domingo à tarde; relembre horários

    ver detalhes
  • Pedrinho anota o primeiro gol do Corinthians no Brasileirão Sub-17

    Corinthians supera o Internacional e estreia com vitória no Brasileirão Sub-17

    ver detalhes
  • Corinthians conheceu detalhes de seu último compromisso na fase de grupos do Paulista

    Jogo entre Corinthians e Novorizontino é confirmado à tarde; jogos da rodada serão no mesmo horário

    ver detalhes
  • Camacho em ação contra o Atlético-GO pelo Campeonato Brasileiro do ano passado

    CBF define data e horário para a terceira fase da Copa do Brasil; Corinthians encara o Atlético-GO

    ver detalhes
  • Fábio Carille não esconde incômodo com declaração de Andrés Sanchez

    Carille diz que ficou 'muito chateado' com declaração de Andrés Sanchez: 'Não falo mais com ele'

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x