Rodriguinho comemora boa fase e vê elenco adaptado a Cristóvão Borges

Rodriguinho comemora boa fase e vê elenco adaptado a Cristóvão Borges

Por Meu Timão

2.4 mil visualizações 45 comentários Comunicar erro

Meia marcou o primeiro gol corinthiano em Chapecó e abriu o caminho para a vitória

Meia marcou o primeiro gol corinthiano em Chapecó e abriu o caminho para a vitória

Foto: Agência Corinthians

Autor do gol que abriu o caminho para a vitória corinthiana por 2 a 0 no último domingo, sobre a Chapecoense, o meia Rodriguinho tem diversos motivos para comemorar. Além das assistências nas últimas partidas e do próprio gol em Chapecó, o camisa 26 está conseguindo se manter entre os titulares na equipe de Cristóvão Borges. Questionado sobre a atual fase durante a coletiva realizada no CT nesta terça-feira, o meia comemorou o momento de sucesso.

"Pelo momento que estou vivendo, de uma sequência legal, foi importante fazer um gol. É uma posição muito disputada, com jogadores de ótimo nível, mas acho que estou bem nas partidas que joguei e o pessoal da comissão está gostando também. Que bom que estou conseguindo colocar meu pezinho e essa dúvida na cabeça do Cristóvão", declarou Rodriguinho.

A respeito de Cristóvão Borges, que assumiu o comando da equipe há cinco jogos e conquistou quatro vitórias, Rodriguinho não poupou elogios e pontuou as principais características do técnico corinthiano.

"Cristóvão é uma pessoa bacana, chegou disposto a ouvir, conhecer todo mundo, pegou time consciente do que faz dentro de campo, equipe madura. Ele está aos poucos colocando o que acha interessante para somar ao trabalho que vinha sendo feito. A cobrança de substituir o Tite seria imensa, e ele está correspondendo bem, e ajudando nossa equipe. Ficamos felizes que tudo está caminhando bem", acrescentou.

Ainda sobre Cristóvão, Rodriguinho evidenciou a atenção coletiva do treinador e reconheceu que o elenco está assimilando corretamente o trabalho transmitido, reconhecendo as dificuldades encontradas durante o período de adaptação.

“O Cristóvão veio disposto a ouvir todo mundo, entender nossa forma de jogar e aos poucos incrementar a forma dele. No começo foi difícil, porque ele não tinha muito tempo para trabalhar, mas agora ele está conseguindo mexer e tentar melhorar em certas partes que estamos errando durante os jogos para mostrar o trabalho dele. Ele tenta encaminhar a melhora, está tendo muito mérito em minimizar nossos erros, e eu espero que continue assim”, finalizou.

Veja Mais:

  • Timão levou gol bizarro em Campinas e só empatou com Red Bull

    Defesa bate cabeça, e Corinthians tropeça diante do Red Bull em noite de gols contra

    ver detalhes
  • Renê Júnior (à dir.) fez sua estreia como titular e deixou boa impressão

    'Salva' de tropeço, dupla corinthiana empata na escolha do craque da partida

    ver detalhes
  • Atuação de Romão em derrota para Ponte Preta preocupou comissão técnica

    Após contratar Juninho, Corinthians busca novo lateral-esquerdo no mercado; Carille explica

    ver detalhes
  • Autora da obra, Katia Bagnarelli é viúva do eterno Doutor

    História de Sócrates é celebrada em lançamento de autobiografia nesta segunda-feira

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes