Na mira do Corinthians, Tardelli faz desabafo sobre situação na China

24 mil visualizações 138 comentários

Por Meu Timão

Em 21 jogos pelo Shandong, Tardelli marcou nove gols e deu três assistências

Em 21 jogos pelo Shandong, Tardelli marcou nove gols e deu três assistências

Divulgação/Osports

O atacante Diego Tardelli terá de resolver um problema e tanto nos próximos dias. Especulado como possível reforço do Corinthians ainda nesta janela de transferências, o jogador fez um desabafo em sua conta oficial do Twitter a respeito de sua situação no Shandong Luneng, da China, clube que tirou o zagueiro Gil do Timão no início de 2016.

“Só quero continuar jogando, não sejam ingratos comigo, não tirem a minha felicidade. Não estou associando nenhum outro tipo de comentário recente, só estou passando a minha situação aqui no Shandong, que é muito séria!!”, escreveu Tardelli na rede social.

O centroavante tem contrato com o Shandong até janeiro de 2019 e, portanto, não terá uma possível transferência facilitada pelos chineses. No entanto, como o time asiático contratou recentemente o italiano Graziano Pellè e atingiu sua cota de atletas estrangeiros, Tardelli está preso ao contrato mesmo sabendo que não será utilizado.

O retorno ao futebol brasileiro é uma possibilidade vista com bons olhos pelo atacante. Porém, além de desembolsar uma quantia considerável pela chegada do jogador de 31 anos, a equipe interessada no brasileiro terá de arcar com um salário de US$ 375 mil (cerca de R$ 1,2 milhão), montante considerado exorbitante para o padrão do país.

De acordo com o GloboEsporte.com, Tardelli está reunido com seus empresários para definir os rumos de sua carreira. Uma saída para outro time local está descartada, já que a janela de transferências da China se encerrou. Quanto ao Brasil, o prazo para inscrições de atletas oriundos de clubes do exterior em competições nacionais termina nesta terça-feira (19).

Corinthiano desde a infância, o centroavante ex-Seleção Brasileira e Atlético-MG foi sondado pela gestão de Roberto de Andrade há cerca de um ano, no meio de 2015. Na ocasião, os valores de uma possível negociação assustaram o Timão, que decidiu interromper as tratativas.

Além disso, pesa o fato de o Corinthians já ter anunciado que não contrataria reforços para a sequência do Campeonato Brasileiro e o início da Copa do Brasil. Na segunda-feira, um dia após o empate em 1 a 1 com o São Paulo, o diretor adjunto de reforços do clube, Eduardo Ferreira, negou a chegada de novas peças para Cristóvão Borges ao menos até esta terça.

Veja os tweets de Diego Tardelli

Veja Mais:

  • Zagueiro Bruno Méndez está há mais de um ano no Corinthians

    Fifa de olho: Corinthians tem até julho para pagar Wanderers; promessa é quitar nos próximos dias

    ver detalhes
  • Por que esses são os corinthianos mais odiados por Palmeiras, São Paulo e Santos?

    VÍDEO: Por que esses são os corinthianos mais odiados por Palmeiras, São Paulo e Santos?

    ver detalhes
  • Antes da pandemia do novo coronavírus, clube fechou 2019 com déficit de R$ 177 milhões

    Corinthians e outros clube devem ter 'dificuldades de entrar em campo' em 2021, alerta economista

    ver detalhes
  • Volante Ralf foi apresentado no Avaí nesta sexta-feira

    Ralf se diz marcado na história do Corinthians e cita 'página virada' ao vestir camisa do Avaí

    ver detalhes
  • O que ouvimos sobre o novo reforço do Corinthians

    VÍDEO: O que ouvimos sobre o novo reforço do Corinthians

    ver detalhes
  • [Lucas Faraldo] Os sonhos do Corinthians por Tevez e Jô

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: