Léo Príncipe relembra estreia na Arena e se diz pronto para substituir Fagner

Léo Príncipe relembra estreia na Arena e se diz pronto para substituir Fagner

Por Meu Timão

Léo Príncipe fará sua estreia pelo time profissional do Corinthians no sábado

Léo Príncipe fará sua estreia pelo time profissional do Corinthians no sábado

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O lateral-direito Léo Príncipe deverá ser uma das novidades de Cristóvão Borges no Corinthians para o duelo diante do Figueirense, no próximo sábado, às 16h (de Brasília), na Arena, pela 16ª rodada do Brasileirão. Provável substituto de Fagner, suspenso, o jogador de 19 anos garantiu estar pronto para a primeira partida pela equipe principal do clube.

“Estou preparado para a oportunidade de estrear pelo Corinthians, há muito tempo venho trabalhando para esse momento. Os jogadores e a comissão técnica sempre conversam comigo, me orientam e ajudam nesse processo, que é natural para todo jogador. Agradeço a confiança de todos”, disse Léo Príncipe. “Quero agarrar a chance e mostrar meu potencial. Quando a oportunidade aparece, tem que estar pronto e estou à disposição para ajudar o time”.

Léo Príncipe foi eleito o melhor lateral-direito da Copinha desta temporada, mas não foi chamado para compor o elenco profissional, à época comandado por Tite. Com o objetivo de adquirir experiência, foi emprestado ao Oeste-SP, time pelo qual disputou seis jogos como profissional. Aliás, o primeiro deles justamente contra o Corinthians, válido pelo Paulistão.

“Curiosamente, estreei como profissional justamente na Arena. Foi quando estava emprestado ao Oeste, no Paulistão. Acredito que consegui jogar bem e pouco depois o clube solicitou o meu retorno, o que me deixou bastante feliz”. Na ocasião, a equipe de Itápolis acabou superada pelo placar de 1 a 0, gol marcado pelo meia Rodriguinho, já nos acréscimos.

Natural do Rio de Janeiro, Léo Príncipe começou no CFZ-RJ e defendeu as cores de Vasco e Flamengo antes de desembarcar no Corinthians, em 2014. No Sub-20, conquistou dois Campeonatos Paulistas (2014 e 2015), um Campeonato Brasileiro (2014) e uma Copa São Paulo de Futebol Júnior (2015).

“É uma honra defender esse clube, já foi assim na base, e é muito melhor retornar à Arena agora como profissional do Corinthians. Espero que esse seja apenas o primeiro capítulo de uma trajetória bonita aqui, quero fazer história no Corinthians”, finalizou.

Veja Mais:

  • Corinthians imagina que receberá propostas por Yago e Balbuena

    Corinthians estuda vender zagueiro e intensifica busca por contratação defensiva

    ver detalhes
  • Michel (à esq.) e o sobrinho foram ao Maracanã naquele 23 de outubro

    Terceiro corinthiano solto no Rio desabafa: 'Fui pra ver o jogo, não pra brigar'

    ver detalhes
  • Sub-20 comemorando título do Corinthians/UNIP no futsal

    Sub-20 conquista título estadual e Corinthians fica perto de fim de ano perfeito no futsal

    ver detalhes
  • Torcedores na Arena poderão adicionar patch da Chapecoense em camisas

    Loja da Arena irá personalizar grátis camisas em homenagem à Chapecoense

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes