Cristóvão se defende de vaias e explica substituição de Marquinhos Gabriel no clássico

8.1 mil visualizações 104 comentários

Por Meu Timão

Cristóvão minimizou reprovação explícita da Fiel nos últimos dois jogos do Timão

Cristóvão minimizou reprovação explícita da Fiel nos últimos dois jogos do Timão

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

As sonoras vaias direcionadas ao técnico Cristóvão Borges por parte da torcida do Corinthians nos empates com São Paulo e Figueirense voltaram à tona nesta segunda-feira. Para o treinador alvinegro, a reprovação da Fiel durante o Majestoso do último dia 17 se deu devido à substituição do meia Marquinhos Gabriel pelo atacante Rildo.

“A história da vaia começou no jogo do São Paulo e foi por causa da substituição do Marquinhos Gabriel. Naquele momento do jogo, o São Paulo, por ter um jogo muito forte no lado de campo, o Marquinhos estava muito desgastado. Se eu substituísse outro, ele ia ter que continuar fechando o corredor e ia ser muito exigido. E o Rildo é um jogador que ia ajudar na proteção e poder atacar, então por isso eu fiz essa substituição”, explicou Cristóvão, em entrevista à rádio Jovem Pan.

Em contrapartida, já diante do Figueirense, no sábado, o treinador corinthiano voltou a ser criticado pela maioria dos 38 mil presentes na Arena. Embora não se veja como alvo das vaias, Cristóvão admite que a pressão pela vitória e a atuação aquém do time contribuíram para a condenação da torcida.

“Agora no jogo contra o Figueirense, não, foi tudo normal, não vi uma vaia direcionada, não. Foi a insatisfação de a gente não estar ganhando o jogo, um jogo que sabíamos que, em casa, temos de ganhar. Os erros que aconteceram a partir de ter tomado o gol, a torcida, claro, cobrou mais, exigiu mais, estava insatisfeita, é natural”, disse, acrescentando ainda que as mudanças promovidas por ele tiveram efeito positivo sobre a equipe.

“Qualquer coisa e qualquer acontecimento a partir dali é aquela cobrança. As substituições ajudaram a equipe, conseguiu pressionar, empatar o jogo e teve possibilidades de ter ganhado. No jogo contra o Figueirense achei tudo normal”, finalizou.

Veja Mais:

  • Dyego Coelho comandou treino tático neste domingo no CT Joaquim Grava

    Corinthians faz treino tático e segue preparação para enfrentar o Sport; veja possível escalação

    ver detalhes
  • Corinthians somou três pontos na rodada, contra o Bahia

    Rodada chega ao fim e Corinthians perde posições na segunda parte da tabela; veja classificação

    ver detalhes
  • Victor Cantillo não consegue engatar boa sequência pelo Corinthians

    Corinthians faz mais gols e vê aproveitamento melhorar sem Cantillo

    ver detalhes
  • Nathan ficará no futebol europeu por uma temporada. Depois, retorna para o Parque São Jorge.

    Corinthiano Nathan é anunciado como reforço do Racing Ferrol, clube da terceira divisão da Espanha

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians não assiste à uma partida em Itaquera desde fevereiro

    Maioria da torcida apoia decisão do Corinthians em não jogar o Brasileirão; veja enquete

    ver detalhes
  • Andrés Sanchez se diz satisfeito, mas assume mandado último mandato decepcionante no Corinthians

    Andrés Sanchez admite mandato decepcionante no Corinthians e fala em licença antes da eleição

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: