Corinthians deve fechar exclusividade com produtora de game de futebol

Corinthians deve fechar exclusividade com produtora de game de futebol

Por Meu Timão

Quando Corinthians esteve no Fifa pela última vez, Guerrero ainda fazia gols contra o Flamengo

Quando Corinthians esteve no Fifa pela última vez, Guerrero ainda fazia gols contra o Flamengo

Foto: Divulgação

O Corinthians deverá ficar fora do Fifa 17, a exemplo do que ocorreu nas duas edições anteriores do jogo da EA Sports. Mais uma vez, a opção feita pelo departamento de marketing foi acertar um contrato de exclusividade com a Konami, responsável pelo concorrente PES.

De acordo com o site especializado Premier Division FC, o clube do Parque São Jorge se mostrou satisfeito com a parceria vigente e já encerrou qualquer possibilidade de voltar ao Fifa. Havia essa hipóetese ao menos até o início do mês.

Assim, o PES 2017, com lançamento previsto para setembro, terá os jogadores e uniformes oficiais do Corinthians. O estádio de Itaquera também faz parte do game, que acertou ainda um contrato de exclusividade com o Barcelona.

Nas negociações com o Fifa, a direção alvinegra não gostou dos valores que ouviu. Os números de 2017 não foram divulgados, mas, na versão 2016, a EA ofereceu apenas R$ 30 mil para ter o time. Pela exclusividade no PES, a Konami pagou R$ 500 mil.

Veja Mais:

  • Jadson e Fagner estão liberados para atuar na estreia da Copa Sulamericana

    Timão recebe aval da Conmebol para utilizar Jadson e Fagner; clube ainda quer documento

    ver detalhes
  • 'Herói' do Dérbi, Jô deve voltar a ganhar chance como titular diante do Mirassol. Tá querendo!

    Embalado pós-clássico, Corinthians coloca confiança à prova contra sensação do Paulistão

    ver detalhes
  • Camisas do Corinthians em promoção no ShopTimão

    Veja 7 camisas do Corinthians que você pode comprar por menos de 50 reais

    ver detalhes
  • Casados em 2016, Neto e Sandra esperam um bebê

    Neto comemora gravidez da esposa: 'mais um curintia'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes