Primeiro em sua bateria, Felipe França coloca Timão na semi de 100m peito

Primeiro em sua bateria, Felipe França coloca Timão na semi de 100m peito

Por Meu Timão

Felipe França está na semifinal dos 100m peito

Felipe França está na semifinal dos 100m peito

Foto: Satido Sodré/SS Pres/CBDA

Depois de Brandonn Almeida nadar, foi a vez do corinthiano Felipe França. O brasileiro caiu na piscina por volta das 15h da tarde deste sábado e classificou para as semifinais do 100m peito.

Felipe França, atleta do Timão, disputou a quinta bateria das eliminatórias do 100m peito dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. O brasileiro fez 59s-01 e foi o primeiro colocado em sua bateria.

O tempo o garantiu na semifinal da modalidade, com o terceiro melhor tempo. Outro brasileiro, João Gomes, também se classificou na oitava posição. Agora o corinthiano recupera o fôlego para nadar as semifinais da competição ainda neste sábado. As provas de 100m peito estão marcadas para às 22h.

Além de Felipe França, outro corinthiano nadou neste sábado: o jovem Brandonn Almeida. O nadador, infelizmente, não se classificou para a final dos 400m medley masculino.

Recorde mundial - Nas mesmas eliminatórias, uma bateria depois, o alemão Adam Peaty bateu o recorde mundial dos 100m peito com 57s55. Obviamente ele é o primeiro colocado das semifinais que acontecem mais tarde.

Veja Mais:

  • Jô marcou o gol da vitória do Corinthians

    Artilheiro Jô marca no fim, e Corinthians supera Chapecoense na Arena Condá

    ver detalhes
  • Jô assegurou vitória do Corinthians em Chapecó

    Líder absoluto, Corinthians abre dez pontos de diferença para segundo colocado

    ver detalhes
  • Léo Santos jogou no lugar de Balbuena, que está suspenso e machucado

    Prata da casa supera até Jô e é eleito craque da vitória do Corinthians sobre Chapecoense

    ver detalhes
  • Marquinhos Gabriel foi titular nesta quarta, mas não agradou a Fiel

    Após vitória do Corinthians, Fiel corneta Marquinhos Gabriel e indica preferência por Clayson

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes