Com jogadoras corinthianas, Brasil estreia no basquete feminino na Olímpiada

Com jogadoras corinthianas, Brasil estreia no basquete feminino na Olímpiada

Por Meu Timão

Damiris joga pelo Corinthians/Americana e teve destaque na partida contra a Austrália.

Damiris joga pelo Corinthians/Americana e teve destaque na partida contra a Austrália.

Foto: Divulgação

Com as jogadoras do Corinthians/Americana, Joyce e Damiris, o Brasil perdeu em vidada da Austrália em sua estreia nos Jogos Olímpicos de 2016. O jogo aconteceu neste sábado, na Arena da Juventude, pelo Grupo A do torneio.

Mesmo com um ótimo primeiro tempo, as brasileiras perderam com uma virada australiana por 84 a 66. Com muitos erros no ataque, o time do técnico Barbosa permitiu que as australianas abrissem a vantagem durante o último quarto do jogo.

A equipe brasileira sofreu alguns impasses durante o primeiro quarto do jogo, mas foi superior a adversária. As pivôs brasileiras conquistaram aos poucos o garrafão defensivo e no ataque, os acertos apareceram enquanto se era arriscado.

Já na segunda etapa da partida, a equipe australiana equilibrou o jogo. Durante os dois minutos finais, a ala Damiris precisou de atendimento médico após choque com a companheira de equipe, Palmira, na quadra de defesa. A jogadora continuou em quadra e fechou a partida com cinco rebotes e quatro pontos em sua bagagem.

As duas equipes acumularam erros bobos no terceiro quarto do jogo. A armadora Joyce apareceu em uma saída australiana, onde atentamente roubou a bola da adversária. Damiris acertou uma bela cesta de três pontos pelo time brasileiro, mas teve a resposta imediata da Austrália na mesma moeda.

Durante o último quarto, a equipe da Oceania abriu uma grande vantagem em cima da brasileira. Damiris apareceu em um arremesso errado de dentro do garrafão, enquanto a Austrália ampliava a vantagem e garantia sua vitória.

O próximo confronto da seleção brasileira de basquete feminino está marcado para a próxima segunda-feira, às 17h30, contra o Japão.

Veja Mais:

  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Maycon conta com o aval de Oswaldo de Oliveira para retorno

    Retorno de Maycon minimiza necessidade por contratação de volante no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes