Um ano depois de saída precoce, ex-Corinthians vai parar na terceira divisão da Itália

Um ano depois de saída precoce, ex-Corinthians vai parar na terceira divisão da Itália

Por Meu Timão

134 mil visualizações 209 comentários Comunicar erro

Matheus Cassini jogará na terceira divisão italiana

Matheus Cassini jogará na terceira divisão italiana

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

A saída do Corinthians do meia Matheus Cassini ainda não rendeu os frutos esperados por ele. Depois de mais de um ano no Palermo, o jogador foi emprestado e irá jogar na terceira divisão do futebol italiano.

O meia acertou empréstimo de uma temporada com o Siracusa. A equipe está na terceira divisão. Antes disso, Cassini estava atuando no Inter Zapresic, da Croácia. Ele ficou seis meses no clube croata.

Cassini era considerado uma das principais revelações das categorias de base do Corinthians. Após uma polêmica negociação, assinou com o Palermo em julho de 2015. Seu contrato com o clube italiano é válido até 2020.

Desde que embarcou para a Europa, as chances foram poucas. No Palermo, não chegou a disputar jogos oficiais. No Zapresic, atuou em cinco partidas e não anotou gols. Com 20 anos, o jogador já falou até sobre a possibilidade retornar ao Corinthians. Em junho deste ano, disse que gostaria de voltar a jogar no seu "clube de coração".

Veja Mais:

  • Fagner atuou durante os 90 minutos do jogo entre Brasil e Costa Rica

    Fagner joga, defesa passa ilesa, e Brasil vence Costa Rica pela Copa do Mundo

    ver detalhes
  • Corinthians e São José disputam o título da Liga Ouro de 2018

    Em vantagem na série final, Corinthians visita São José valendo título da Liga Ouro

    ver detalhes
  • Léo Jabá foi oficializado como novo reforço do PAOK FC

    Léo Jabá se torna transferência mais cara de clube grego; Corinthians deve lucrar

    ver detalhes
  • Em baixa na Alemanha, Jonathas volta à pauta do Corinthians, que busca empréstimo

    Corinthians volta a ter interesse no centroavante Jonathas

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes