De virada, Corinthians evita derrota na Arena e está de volta ao G4

Corinthians Corinthians 2 x 1 Vitória Vitória

Brasileirão 2016

De virada, Corinthians evita derrota na Arena e está de volta ao G4

Por Meu Timão

Marquinhos Gabriel marcou o segundo gol corinthiano

Marquinhos Gabriel marcou o segundo gol corinthiano

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

O Corinthians entrou em campo na noite desta segunda-feira, com a obrigação de dar uma resposta à Fiel. A derrota contra o Grêmio, na rodada anterior, gerou revolta nos torcedores que chegaram a realizar um protesto no Parque São Jorge durante a semana.

A má fase e a noite fria em São Paulo, desanimaram o público que não compareceu em Itaquera. A noite foi recorde negativo de torcedores, contabilizando 20.473 presentes - número mais baixo desde a inauguração do estádio.

O fracasso em Porto Alegre fez o time entrar pressionado por um resultado positivo em casa. Contra o Vitória, que começou a rodada ocupando o Z4, Cristóvão decidiu mudar a equipe. Sem André - que tem saída quase certa para o futebol português - o treinador optou por Guilherme como centroavante.

Assim, o Timão foi a campo com a formação 4-2-3-1, escalado com Cássio; Fagner, Yago, Fabián Balbuena e Uendel; Bruno Henrique e Elias (capitão); Marquinhos Gabriel, Rodriguinho e Ángel Romero; Guilherme.

Primeiro tempo

O jogo começou movimentado, com as duas equipes trabalhando na velocidade para chegar ao ataque. As deficiências das duas equipes, porém, começaram a aparecer e ninguém chegou com grande perigo às redes adversárias.

A melhor jogada da etapa, dependeu da habilidade individual: Fagner roubou a bola no campo defensivo e puxou um ataque na velocidade, articulando o meio campo e aparecendo para receber a bola no campo ofensivo.

O lateral corinthiano fez a finta na defesa baiana e bateu, mas finalizou para fora. O Corinthians até ameaçou crescer, mas aos 42 minutos, em uma infelicidade de Yago, acabou sofrendo o gol. O zagueiro tentou fazer o corte de um cruzamento de Marinho e acabou desviando a bola para dentro das redes.

O Timão sai para o intervalo com um placar injusto. Sem finalizar nenhuma vez ao gol de Cássio (contra cinco finalizações corinthianas), o Vitória ficou com a vantagem no placar.

Segundo tempo

O Corinthians voltou com mudança para a segunda etapa, e Marlone foi pro jogo no lugar de Romero. O jogador fez a diferença e mudou a dinâmica do jogo - atuando pelo lado direito, ele recebeu a bola no meio campo e conduziu até o campo ofensivo onde bateu direto para o gol para empatar a partida.

Marlone foi decisivo, não só para o empate, mas também para a virada do Timão. Aos 26 minutos, o jogador deu assistência para Marquinhos Gabriel que, dentro da pequena área, empurrou com o peito para dentro do gol.

O tento foi o último da partida, que não teve grandes acontecimentos até o minuto final. Além de dois cartões amarelos, um para Fagner e outro para Balbuena, o jogo correu tranquilo. Cristóvão ainda fez mais duas mudança: aos 40 minutos, sacou Bruno Henrique para colocar para Cristian e aos 44 tirou Marquinhos Gabriel para a entrada de Giovanni Augusto.

O jogo, porém, terminou no 2 a 1 que garantiu a vitória corinthiana. O resultado levou o Corinthians de volta ao G4, com 37 pontos. O próximo compromisso da equipe, neste sábado, acontece em Campinas contra a Ponte Preta, às 16h.

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a partida entre Corinthians e Vitória

  • 1000 caracteres restantes