Cristóvão explica por que não usa jovens da base no Corinthians e defende empréstimo de Maycon

Cristóvão explica por que não usa jovens da base no Corinthians e defende empréstimo de Maycon

Por Meu Timão

Cristóvão Borges disse 'gostar' da base e prometeu novas oportunidades aos jovens talentos do Corinthians

Cristóvão Borges disse 'gostar' da base e prometeu novas oportunidades aos jovens talentos do Corinthians

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Marciel, Maycon, Gabriel Vasconcelos, Léo Jabá, Fabricio Oya... Esses e tantos outros jogadores provenientes das categorias de base aguardam pela promoção à equipe profissional do Corinthians. Ao menos se depender do técnico Cristóvão Borges, porém, alguns deles terão espaço em breve sob seu comando.

Em entrevista coletiva nesta sexta-feira pela manhã, no CT Joaquim Grava, o treinador do Timão explicou a razão de não usufruir de jovens atletas na rotina do time principal com maior frequência, além de defender os empréstimos de Marciel e Maycon a Cruzeiro e Ponte Preta, respetivamente.

“Eu gosto da base, gosto muito da base, mas o momento é de resposta agora. Já. Temos de estar preparados para isso. Em todos os lugares nos quais trabalhei, usei jogadores jovens. Quando você consegue equilibrar isso com experiência, a resposta é bastante positiva”, afirmou Cristóvão Borges, que ainda sequer promoveu as estreias do zagueiro Léo Santos e o atacante Isaac Prado.

Maycon foi protagonista da equipe vice-campeã da Copa São Paulo de Futebol Júnior no início da temporada. Artilheiro e capitão, inclusive, o meio-campista recebeu poucas oportunidades para mostrar serviço no Corinthians e, poucos meses após ser promovido, acabou cedido à Ponte até o fim de 2016.

“Na Ponte Preta tem espaço para ele jogar. Aqui, na posição dele, há muitos jogadores. Foi um pedido dele. Essa possibilidade também é boa para o Corinthians. Um jogador jovem, jogando na Série A e se desenvolvendo. Ele é muito talentoso. Todos estão ganhando com isso. Estou contente com o desempenho dele”, destacou o treinador, que frisou estar “esperançoso” em relação ao proveito do volante.

“Esperamos para ver se ficou melhor ou não. Não queríamos ficar trocando, mas se está acontecendo, vamos buscar aquilo que vá nos satisfazer, que nos dê uma resposta positiva. Esses jogadores podem dar essa resposta. Estamos bastante esperançosos”, finalizou.

Corinthians e Maycon cruzarão caminho neste sábado, quando a Ponte Preta receberá o atual campeão brasileiro no estádio Moisés Lucarelli, às 16h (de Brasília), pela 22ª rodada da Série A. O Timão é o terceiro colocado e soma 37 pontos, três a menos que o arquirrival Palmeiras, hoje na ponta da tabela.

Veja Mais:

  • Torcidas organizadas propõem pacto pela paz em São Paulo

    Torcidas organizadas propõem pacto pela paz em São Paulo

    ver detalhes
  • Camisa do Corinthians criada por torcedores em homenagem à Chape

    Corinthians bate o martelo sobre homenagens à Chapecoense

    ver detalhes
  • Ronaldinho chegou a estar na mira do Corinthians, revela agente

    Irmão de Ronaldinho Gaúcho revela 'plano de marketing' do Corinthians e provocação de Andrés

    ver detalhes
  • Brasileirão agora tem quatro vagas - não três - à fase de grupos da Libertadores

    Conmebol anuncia novidade, e Corinthians volta ao páreo por vaga direta na Libertadores

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes