Luciano vira exemplo para Corinthians, que adota cautela com Gustavo

Luciano vira exemplo para Corinthians, que adota cautela com Gustavo

Por Meu Timão

Gustavo (colete) deve iniciar partida contra o Sport no banco de reservas

Gustavo (colete) deve iniciar partida contra o Sport no banco de reservas

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O Corinthians não pretende pular etapas a fim de apressar a estreia do centroavante Gustavo, apresentado como novo reforço do clube no último sábado. Pelo contrário. A ideia da direção, do treinador Cristóvão Borges e da comissão técnica do clube é prepararem o atleta de 22 anos tanto física quanto psicologicamente, já que o longo período sem atuar e as cobranças da torcida em torno do seu futebol podem prejudicá-lo.

“É um trabalho no dia a dia, com o treinador, com a diretoria, os atletas. O Gustavo assume, sim, uma importância, porque a instituição Corinthians exige uma responsabilidade natural para quem veste a camisa. Ele pode nos ajudar bastante, mas tudo ao seu tempo”, explicou o gerente de futebol Alessandro Nunes em fala reproduzida no LANCE!.

“Falamos para ele trabalhar com bastante afinco, que as coisas vão acontecer. Não é só chegar, colocar a 9 e falar para ele ser artilheiro do time no segundo semestre. Não é assim. Ele vai ter as oportunidades, vai trabalhar, mas nenhum tipo de cobrança excessiva sobre um jovem de 22 anos que estava disputando a Série B”, frisou.

Gustavo foi integrado ao elenco corinthiano no início da semana passada, quando se desvencilhou do Criciúma e assinou contrato por quatro temporadas. Apesar dos bons números pelo antigo clube – foram 11 gols marcados na divisão de acesso do Campeonato Brasileiro – e de já ter sua transferência regularizada no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF, o herdeiro da camisa de André, negociado com o Sporting (POR), pode não estrear nesta quinta-feira, diante do Sport.

“Existe uma avaliação física e técnica dele, todos os ‘feedbacks’ têm sido positivos. Ele veio de um período de 15, 20 dias sem jogos na Série B. Isso requer um pouco de atenção. Mas, pela pouca idade, ele vai estar à disposição do Cristóvão o quanto antes. Mas temos de ter bastante calma e segurança sobre o que ele pode fazer rapidamente no clube”, ponderou o dirigente.

Ex-coordenador técnico do Corinthians, Alessandro Nunes usou a contratação do atacante Luciano, emprestado recentemente ao Leganés (ESP), como exemplo de caso que não correspondeu às expectativas da Fiel. Na avaliação do ex-lateral-direito, Gustavo terá o tempo necessário para se acostumar com o salto na carreira.

“Tivemos uma experiência com o Luciano, que fez dois gols em seu primeiro jogo vindo do Avaí. Mas não é sempre nessa velocidade que as coisas acontecem. Ele mostra muitas características positivas, é um jovem promissor, que precisa chegar e se identificar para começar a ajudar. Tem de ter paciência”, finalizou.

Veja Mais:

  • Dupla 'Renadson' brilhou no Corinthians no Brasileirão de 2015

    Renato Augusto rasga elogios a Jadson e faz projeção sobre futuro do camisa 10 no Corinthians

    ver detalhes
  • Romarinho se especializou em marcar gols contra o Palmeiras: cinco em cinco Dérbis

    Prestes a enfrentar Real Madrid, Romarinho leva Corinthians ao maior jornal da Espanha

    ver detalhes
  • Luidy teve chance de treinar no CT do Corinthians nos primeiros meses deste ano

    Atacante emprestado pelo Corinthians é avisado que não terá espaço no clube em 2018

    ver detalhes
  • Marciel e Jô despertam interesse de times brasileiro e alemão; Juninho, Scarpa e Tréllez podem chegar

    Mercado agitado! Veja quem pode deixar e reforçar o Corinthians no resumão do Meu Timão

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes