Cristóvão abre o jogo sobre 'fantasma' de Tite e crava objetivo para 2016

Cristóvão abre o jogo sobre 'fantasma' de Tite e crava objetivo para 2016

Por Meu Timão

880 visualizações 12 comentários Comunicar erro

Para Cristóvão Borges, sua equipe tem potencial na disputa por títulos.

Para Cristóvão Borges, sua equipe tem potencial na disputa por títulos.

Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

O comandante do Corinthians, Cristóvão Borges, vem lidando com críticas sobre o seu trabalho desde que assumiu a equipe alvinegra, após a saída de Tite para a Seleção Brasileira. O técnico comentou o convívio com o "fantasma" de seu antecessor e garantiu que acredita em seu time.

Durante entrevista concedida no programa Baita Amigos, no canal a cabo Bandsports, o treinador corinthiano afirmou que já tinha conhecimento sobre a pressão que sofreria no atual time, porém tem consciência de que no Corinthians é diferente.

Com o histórico campeão de seu antecessor, Tite, Cristóvão admite não ter se incomodado com a responsabilidade de substituir o técnico. Porém, segundo o treinador, a situação começou a render certo incômodo a partir do momento que se tomou uma proporção exagerada sobre o seu “fardo”.

“Quando fui convidado já sabia, lógico, já passei por equipes de grande porte, a exigência, pressão. Estamos acostumados a conviver com isso. No Corinthians é diferente. O treinador estava saindo pra Seleção, treinador ganhador do futebol brasileiro, ganhou títulos importantíssimos com uma marca muito importante. Sabia que seria uma responsabilidade muito grande. Quando comecei a trabalhar, isso não foi tão difícil, isso não me atrapalha em nada. O grande incômodo foi, em certo momento, certo exagero com tudo”, declarou o comandante do time alvinegro.

Quanto a busca por títulos, Cristóvão Borges garantiu que está trabalhando pelo melhor, pelo objetivo central da equipe que é a conquista do título. O técnico fez uma análise sobre o desempenho do time e, para ele, o Corinthians ainda não desabrochou mas tem sim, muito potencial nas disputas.

“Independente das coisas, não tem como, você tem que trabalhar pelo melhor, pelo título. Vejo que a equipe tem potencial e ainda não desabrochou. É nisso que estou acreditando muito e é isso que me motiva”, afirmou Cristóvão Borges.

O treinador completou comentando que existe uma conversa com o elenco corinthiano para o estímulo de seu crescimento como equipe. Garantindo animação diante das atividades táticas, Cristóvão reafirmou o potencial dos jogadores e alegou que a progressão terá continuidade.

“Eu converso, eu deixo bem claro, procuro deixar mais claro as situações. Pessoalmente, esses jogadores estão com potencial muito grande, que sei que têm a contribuir muito pra essa melhora e estamos trabalhando pra isso. Estou muito animado, nos treinamentos a gente vê melhorando. Essa progressão vai continuar”, finalizou.

Veja Mais:

  • Júnior Dutra deve ser titular do Corinthians no jogo deste domingo, contra o Sport

    Com escalação alternativa, Corinthians pega Sport e mira liderança do Brasileirão

    ver detalhes
  • Osmar Loss recebeu prêmio neste sábado

    Cotado para assumir Corinthians, Osmar Loss é premiado como melhor auxiliar técnico do Brasil

    ver detalhes
  • Corinthians de Pedrinho entra em campo neste domingo contra o Sport

    TV Globo transmite jogo entre Corinthians e Sport para 12 estados e Distrito Federal

    ver detalhes
  • Henrique jogou todas as partidas desde que chegou ao Corinthians

    Henrique segue sem nenhum jogo de descanso desde que chegou ao Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes