Corinthiano Daniel Dias conquista recorde de medalhas nas Paralimpíadas

2.1 mil visualizações 33 comentários

Por Meu Timão

Daniel Dias conquistou sua 24ª medalha em Jogos Paralímpicos

Daniel Dias conquistou sua 24ª medalha em Jogos Paralímpicos

Divulgação/Rio 2016

O corinthiano fanático, Daniel Dias, encerrou sua participação na Paralimpíada Rio 2016 da melhor forma. O nadador brasileiro conquistou a medalha de bronze neste sábado, na prova do revezamento 4x100 livre e bateu o recorde paralímpico na modalidade. A partir do terceiro lugar, Daniel chegou a 24 medalhas em todas sua participações na competição internacional, sendo o nadador mais vencedor em Jogos Paralímpicos.

“Confesso que não parei para pensar ainda (no recorde). Estou sem voz de tanto que eu berrei no revezamento. Mas é uma alegria imensa poder ajudar meu país. Meu objetivo aqui era conquistar medalhas nas minhas provas individuais e ajudar ao máximo os meus companheiros nos meus revezamentos. Estou extremamente feliz por nadar em casa, por competir uma Paralimpíada em casa. É algo que vai ficar marcado para sempre na minha história e na história de quem viveu isso. Acredito que nunca mais o esporte paralímpico vai ser o mesmo depois disso aqui”, disse ao globoesporte.com.

Muito satisfeito com a marca conquistada no Rio de Janeiro, o atleta que, frequentemente, marca presença em Itaquera para assistir aos jogos do Timão, relembrou os momentos que antecederam o tão esperado recorde e comemorou a marca histórica em sua carreira.

“Nunca escutei tanto barulho debaixo d’água. Isso vai marcar para sempre a minha vida. Tenho que agradecer muito todo mundo que veio, riu, chorou... Foi espetacular o que o público fez aqui, ganhando ou perdendo. Às vezes a pessoa não pegava final, mas eles apoiavam, e a pessoa chegava na piscina de aquecimento sorrindo. Ninguém jamais recebeu esse carinho. E, hoje, a gente pode encerrar um grande momento do esporte paralímpico, um grande momento para as pessoa com deficiência. O respeito que as pessoas vão ter com as pessoas com deficiência agora vai ser muito maior, completou.

Ao longo de sua participação nos Jogos Paralímpicos Rio 2016, Daniel Dias faturou quatro medalhas de ouro (50m costas e 50m, 100m e 200m livre na classe S5), três medalhas de prata (100m peito da classe SM4, revezamentos 4x50m livre misto até 20 pontos e 4x100m livre até 34 pontos) e duas de bronze (50m borboleta S5 e 4x100m medley até 34 pontos).

Com um total de 24 medalhas, somadas às conquistadas em Pequim (2008) e Londres (2012), o corinthiano ultrapassou o australiano Matthew Cowdrey – premiado por 23 vezes -, fato que culminou no recorde paralímpico.

Veja Mais:

  • [Marco Bello] Como o Corinthians vai quitar a dívida com a Odebrecht pela construção da Arena

    ver detalhes
  • Jô pode assumir a titularidade do ataque do Corinthians no segundo semestre de 2020

    De Sidcley a Jô: podcast do Meu Timão debate ao vivo a nova escalação do Corinthians; veja detalhes

    ver detalhes
  • Ruan vinha sendo um dos grandes nomes do Sub-20 do Corinthians

    Corinthians trabalha para estender empréstimo de meia promovido por Tiago Nunes na volta aos treinos

    ver detalhes
  • Último jogo do Corinthians foi no dia 15 de março, com Arena vazia

    FPF define data para retorno do Paulistão e aguarda aval das autoridades para anunciar retomada

    ver detalhes
  • Andrés Sanchez aguarda dinheiro de Pedrinho, mas transferência do meia ao Benfica-POR já estará contabilizada no balancete de 2020

    Corinthians prepara balancete de 2020 e incluirá dívida de mais de R$ 20 milhões com J. Malucelli

    ver detalhes
  • Maria Luiza, de 2, e Felipe, de 5 anos, já têm seus respectivos totens na Arena Corinthians

    Filhos de Cássio estarão na arquibancada da Arena Corinthians após paralisação

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: