Corinthians é denunciado pelo STJD e pode perder até dez mandos

Corinthians é denunciado pelo STJD e pode perder até dez mandos

Por Meu Timão

60 mil visualizações 237 comentários Comunicar erro

Prejuízo no clássico não ficou apenas dentro de campo

Prejuízo no clássico não ficou apenas dentro de campo

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O Corinthians pode perder até dez mandos de campo por conta dos conflitos ocorridos na Arena em Itaquera durante o clássico com o Palmeiras, no último sábado, pelo Campeonato Brasileiro. A Procuradoria da Justiça Desportiva ofereceu, nesta quarta-feira, denúncia contra as infrações e denunciou o clube, que pode levar multa e até longo gancho na temporada.

De acordo com o site oficial do STJD, o Timão foi denunciado no artigo 191, inciso III (por descumprir o Regulamento Geral das Competições ao permitir a entrada de sinalizadores); no artigo 213, inciso I (pelas desordens ocorridas no estádio) e inciso III (pelo lançamento de objetos); no artigo 211 (por não manter as condições de segurança adequadas).

As penas previstas são de multa de até R$ 100 mil no artigo 191; multa de até R$ 100 mil em cada inciso do artigo 213, podendo ainda ser punido com perda de até dez mandos de campo pela desordem; multa de até R$ 100 mil no artigo 211, além do pedido de interdição parcial da Arena no setor Norte até o julgamento do processo em uma das Comissões Disciplinares do STJD do Futebol.

O departamento jurídico do Corinthians já teve conhecimento das denúncias, mas ainda não se pronunciou.

Os episódios

Dois conflitos entre torcedores e a Polícia Militar marcaram a derrota da equipe alvinegra por 2 a 0 para o Palmeiras. No fim do primeiro tempo, a fim de tirar uma faixa estendida pela torcida uniformizada Gaviões da Fiel, policiais entraram em choque com corinthianos na arquibancada Norte. Ao menos uma placa de vidro foi danificada.

Depois, a poucos minutos do término do clássico, torcedores do Timão tentaram invadir o setor Oeste da Arena para protestar contra a diretoria e acabaram barrados pela PM, que utilizou cassetetes para apartar o movimento. Além disso, consta na súmula o uso de sinalizadores durante a execução do hino nacional e no setor sul aos dois minutos de jogo. Após o apito final, corintianos cuspiram na direção do árbitro Heber Roberto Lopes e dos jogadores do Palmeiras quando os mesmos deixavam o gramado em direção aos vestiários.

Veja Mais:

  • Roger fez seu primeiro gol pelo Corinthians

    Corinthians cede empate ao Sport e perde chance de reassumir liderança do Brasileirão

    ver detalhes
  • Corinthiano Mantuan durante jogo contra o Sport, pelo Campeonato Brasileiro

    Fiel 'esquece' Roger e elege dois defensores como craques do Corinthians no empate contra Sport

    ver detalhes
  • Corinthians tropeçou no Sport neste domingo

    Corinthians perde uma posição e vê 'perigoso concorrente' assumir liderança do Brasileirão

    ver detalhes
  • Fábio Carille conversou com a imprensa sobre possível saída do Corinthians

    Carille sobe tom, ataca imprensa, mas confirma sondagem: 'Se chegar proposta, vou pensar'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes