Ingressos encalham, mas renda supera R$ 2 milhões

Ingressos encalham, mas renda supera R$ 2 milhões

Por Meu Timão

Corinthians comemorando o gol de empate

Corinthians comemorando o gol de empate

Os cerca de 37 mil ingressos colocados à venda pela diretoria do Corinthians não se esgotaram, mas a renda da partida contra o Racing de Montevidéu (URU) ainda impressionou. Os 31.035 torcedores pagantes renderam o valor de R$ 2.181.742,00 (bruto), segunda maior renda da História do clube.

As duas últimas grandes arrecadações do clube haviam sido registradas apenas em decisões de campeonato. Em 2008, contra o Sport, no Morumbi, a renda atingiu a marca de R$ 2,2 milhões. Detalhe: diante de 63.871 pagantes. Já no ano passado, contra o Internacional, na final da Copa do Brasil, 36.614 pagantes proporcionaram uma renda bruta de R$ 1,8 milhão.

Grande parte dessa arrecadação foi ocasionada pela lotação do setor VIP, local mais nobre do Pacaembu, ao custo de R$ 500. O problema foi que o número de torcedores era maior do que a quantidade de lugares para sentar. Alguns torcedores tentaram resolver a situação conversando. Não houve confusão.

O LANCENET! ouviu Lúcio Blanco, supervisor de arrecadação, que diagnosticou a situação no setor VIP.

– Acho que os torcedores não se atentaram à fileira de cada um. São ingressos para o mesmo número de cadeira, mas fileiras diferentes. Nem vendemos a totalidade para não ter lotação – explicou Lúcio.

Fonte: Lancenet

Veja Mais:

  • Arana pode se transferir para a Inter de Milão nos próximos dias

    Com oferta na mão, Corinthians espera retorno de presidente para definir venda de Arana

    ver detalhes
  • Corinthians optou por não utilizar redes sociais em respeito ao momento

    Corinthians suspende redes sociais em dia de velório coletivo da Chapecoense

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians se despediu da Arena no empate por 0 a 0 com o Atlético-PR

    Maior do país, público do Corinthians é duas vezes a média do Brasileirão 2016

    ver detalhes
  • Oswaldo defendeu utilização da cor verde em homenagem à Chapecoense

    Oswaldo comenta tragédia da Chapecoense e é mais um a defender cor verde no Corinthians

    ver detalhes

O preço do ingresso é abusivo ou é justo tendo em vista o investimento no elenco?

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes