Neco, que ficou no Corinthians por 17 anos, fazia seu primeiro jogo há 103 anos

Neco, que ficou no Corinthians por 17 anos, fazia seu primeiro jogo há 103 anos

Por Meu Timão

Neco é considerado o primeiro ídolo do Corinthians

Neco é considerado o primeiro ídolo do Corinthians

Foto: Reprodução

A estreia no Corinthians de um dos maiores jogadores que já vestiram a camisa do clube do Parque São Jorge completa 103 anos nesta sexta-feira. Foi no dia 19 de outubro de 1913 que Neco entrou em campo pela primeira vez pelo Timão, no empate em 1 a 1 contra o Americano-SP, pelo Campeonato Paulista.

Neco se tornou um dos grandes nomes a defender o Corinthians por conta do longo tempo de serviços prestados: foram 17 anos jogando pelo Timão. Com a camisa alvinegra, ele anotou 234 gols em 296 partidas disputadas.

Não apenas de feitos individuais ficou marcada a passagem de Neco pelo Corinthians. O ex-meio-campista foi octacampeão paulista pelo Timão, vencendo o Estadual em 1914, 1916, 1922, 1923, 1924, 1928, 1929 e 1930.

De acordo com o site oficial do Timão, Neco ficou marcado por um episódio emblemático no qual "em 1915, com o clube à beira da falência, (...) teria liderado um assalto à sede do Corinthians para salvar os móveis".

Considerado o primeiro ídolo do Corinthians, Neco teria 121 anos se ainda estivesse vivo. Ele nasceu em 7 de março de 1895 e faleceu em 31 de maio de 1977.

Veja Mais:

  • Kazim terá nova oportunidade como titular diante do Palmeiras

    Em treino aberto na Arena, Carille define novo Corinthians para clássico

    ver detalhes
  • Carille terá onze suplentes à disposição no clássico

    Jadson fica fora do Dérbi; veja lista de relacionados do Corinthians

    ver detalhes
  • Jadson deve ser opção a partir da próxima quarta-feira, dia 1

    Jadson confirma que se colocou à disposição para enfrentar o Palmeiras e crava jogo da reestreia

    ver detalhes
  • Sanchez e Roberto de Andrade seguem aliados na política do Corinthians

    Fortalecido após veto do impeachment, Andrés Sanchez cogita voltar à presidência do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes