Rodriguinho fala sobre pisão no braço e lamenta: 'Não fizemos o dever de casa'

Rodriguinho fala sobre pisão no braço e lamenta: 'Não fizemos o dever de casa'

Por Meu Timão

1.5 mil visualizações 35 comentários Comunicar erro

Rodriguinho explica pisão no braço e lamenta empate

Rodriguinho explica pisão no braço e lamenta empate

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Após o fim da partida entre Corinthians e Chapecoense, que terminou com empate na Arena, Rodriguinho falou com a imprensa. O meia corinthiano comentou o resultado do jogo e falou sobre o pisão que sofreu de Gimenez, da Chapecoense.

O camisa 26 do Timão, porém, evitou polemizar o lance: "Foi um pisão ali, foi sem querer, ele falou mas eu vi que foi sem querer. Segui o jogo, deu para continuar no jogo tranquilo". O choque antecedeu a jogada que culminou com o pênalti sofrido por Rildo.

Embora tenha minimizado o choque com Gimenez, Rodriguinho demonstrou mais insatisfação em relação ao resultado da partida: "Infelizmente não conseguimos fazer o dever de casa", declarou. O jogador foi considerado um dos melhores em campo pela torcida, ficando com a melhor nota pela atuação na partida.

Apesar disso, considerou o empate falta de sorte: "Olha, acho que no primeiro tempo fomos abaixo do que estamos acostumados, melhoramos no segundo, pressionamos, mas infelizmente tomamos o gol, uma falta de sorte", completou o jogador.

Veja Mais:

  • Cássio falhou no terceiro gol do São Paulo neste sábado

    Corinthians joga mal e perde clássico no Morumbi

    ver detalhes
  • Rodriguinho se emocionou ao se despedir do Corinthians

    Rodriguinho confirma saída e se emociona ao se despedir do Corinthians

    ver detalhes
  • Rodriguinho foi comprado por um clube do Egito

    Corinthians bate o pé por valor em negócio com Rodriguinho; dois motivos pesaram para liberação

    ver detalhes
  • Osmar Loss viu o Corinthians perder para o São Paulo nesta quarta-feira

    Loss reconhece que saídas dificultam trabalho no Corinthians, mas afirma: 'Tem que se adaptar'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes