Em resposta ao Corinthians, Odebrecht admite deposição de lama, mas refuta falta de segurança da Arena

Em resposta ao Corinthians, Odebrecht admite deposição de lama, mas refuta falta de segurança da Arena

Por Meu Timão

Arena Corinthians receberá jogo neste sábado

Arena Corinthians receberá jogo neste sábado

Foto: Bruno Teixeira Rolo

A troca de farpas entre Corinthians e Odebrecht ganhou novo capítulo neste sábado. A construtora respondeu, por meio de uma nota oficial, a carta emitida na última sexta-feira pelo presidente corinthiano Roberto de Andrade.

No que diz respeito à segurança dos torcedores e demais frequentadores que vão à Arena Corinthians - neste sábado a noite, mais de 20 mil pessoas devem marcar presença para o jogo entre Corinthians e Atlético-PR -, a Odebrecht refuta qualquer risco. A construtora, contudo, alega que os serviços de reparo denunciados por Roberto de Andrade têm de ser finalizados, uma vez que já foram iniciados.

A nota da Odebrecht também reconhece que uma deposição de lama foi identificada no interior do reservatório do estádio na última sexta-feira. A construtora, contudo, não se responsabiliza pela anormalidade, haja vista que, em seu entendimento, não tem de responder pela manutenção da Arena - apenas pela construção.

Chama atenção o fato de a Odebrecht ser uma das acionistas no fundo imobiliário responsável pela manutenção do estádio. Ou seja, indiretamente, a construtora é sim responsável por danos oriundos da manutenção, bem como dos ligados a obras mal feitas.

Confira abaixo a nota oficial da Odebrecht:

A Arena Corinthians é totalmente segura para seus frequentadores, conforme atestaram as vistorias recentes da Defesa Civil, Ministério Público Estadual e Prefeitura de São Paulo.

O Corinthians, além de ser o operador do Estádio, é também o responsável pela gestão da Manutenção Preventiva e Corretiva da Arena, conforme contrato estabelecido pelo mesmo e o Fundo Imobiliário.

O desacoplamento da tubulação de águas pluviais (chuva) deveria ter sido identificado nas inspeções de rotina previstas no Manual de Uso, Operação e Manutenção da Arena (de posse do Clube desde o ano de 2015), já que o evento não é recente conforme apontado em Laudo de consultor geotécnico que esteve no local no dia 21/11. Diferentemente do descrito na carta encaminhada pelo Clube, existe acesso ao sistema, tubulações e reservatório de amortecimento de chuvas (conhecido como piscinão), para as devidas inspeções de rotina.

Mesmo não sendo a responsável pela manutenção, a CNO, através dos seus técnicos, identificou na última sexta-feira (18), uma deposição de lama no interior do reservatório. O fato foi imediatamente informado ao Corinthians e a CNO, tomou, por precaução, providências imediatas para remover o material acumulado no piscinão e recompor a parte danificada da rede de escoamento. A CNO tomou a decisão de inspecionar a Arena Corinthians em função das recentes publicações de imprensa explorando de forma descontextualizada fotos e imagens antigas, colocando indevidamente a segurança da Arena sob suspeita. Também a decisão de fazer a limpeza e reparos na tubulação do piscinão foi tomada para salvaguardar a imagem pública da Arena e a confiança de seus frequentadores.

O Corinthians, porém, assessorado pelo Escritório Molina &Reis, determinou no dia 23/11 a paralisação das atividades. A CNO lamenta também o fato de a auditoria, contratada pelo Clube e cuja coordenação é desse mesmo escritório, já ter identificado a situação anteriormente e não ter tomado as devidas providências para o conserto, caracterizando uma completa omissão.

A CNO notificou o FII e o Corinthians informando que, embora hoje a ocorrência não comprometa a segurança da estrutura do estádio, lembrando que o mesmo foi recentemente vistoriado por autoridades públicas, a conclusão dos trabalhos iniciados é necessária.

Veja mais em: Arena Corinthians.

Veja Mais:

  • Sala de cabines de TV da Arena passa a ser chamada Lilácio Pereira Jr.

    Corinthians batiza sala de transmissões da Arena em tributo a vítima de acidente

    ver detalhes
  • Golaço de Marlone sobre Cobresal rendeu a ele indicação ao Puskás

    Marlone supera Messi e Neymar e vai à final do Prêmio Puskás da Fifa

    ver detalhes
  • Luidy (boné) conheceu o CT Joaquim Grava na última quinta-feira

    Contratação do Corinthians vai ao CT pela primeira vez

    ver detalhes
  • Leandro Damião pode trocar Flamengo pelo Corinthians em 2017

    Corinthians inicia conversas por centroavante do Flamengo, diz portal

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes