Neto detona diretoria do Corinthians: 'Ladrão, vagabundo, safado e ordinário'

Neto detona diretoria do Corinthians: 'Ladrão, vagabundo, safado e ordinário'

Por Meu Timão

219 mil visualizações 384 comentários Comunicar erro

Neto soltou o verbo contra os principais nomes do Corinthians

Neto soltou o verbo contra os principais nomes do Corinthians

Reprodução/Bandeirantes

Um dos grandes jogadores a passarem pelo Corinthians na década de 90, Neto perdeu a paciência com a diretoria do Timão. Durante transmissão de seu programa na TV Bandeirantes, o ex-meia e hoje apresentador detonou a alta cúpula alvinegra.

"Só não pode ser ladrão, vagabundo, safado, ordinário, pegar o dinheiro dos outros e botar no bolso, ter 40 empresas, ter bicheiro junto tomando conta do futebol, ter filho jogando bola jogando 40 conto por mês", disparou, em meio a críticas feitas ao presidente Roberto de Andrade e ao vice-presidente André Negão.

"A gente entra na pizzaria e ninguém me chama de ladrão. Nada pior do que você entrar numa pizzaria, num restaurante, num shopping e te chamarem de ladrão safado. Credibilidade você tem desse jeito. Não pode fazer o que está fazendo com o Corinthians", acrescentou.

Uma das principais críticas de Neto aos homens que hoje formam a alta cúpula do Corinthians, seja em cargo de diretoria ou como conselheiro influente, é a suposta ausência de tais pessoas no Parque São Jorge.

"Estou lá (Corinthians) desde 1989. E eu nunca vi o Roberto de Andrade lá, nunca vi essas pessoas lá. Eles nunca participaram absolutamente de nada lá. E hoje comandam um clube de 30 milhões de torcedores", disse.

"Você nem vai ao clube, não está no social, deixa nas mãos das pessoas que não podem comandar o Corinthians (...) Todos vocês estão aí graças ao Dualib. E vocês derrubaram o Dualib", completou.

Até mesmo a demissão de Oswaldo de Oliveira, sacramentada na última quinta-feira, foi motivo de crítica para Neto. O apresentador criticou a forma como Roberto de Andrade defendeu o trabalho do treinador e, dois meses depois, o mandou embora. O clube terá de arcar com uma multa para o técnico.

"Nem a empresa dele ele consegue fazer isso que ele fez. Então você, Roberto de Andrade, por que você não contrata seu gerente um dia e manda embora no outro pagando tudo? No Corinthians você faz isso porque o Corinthians não é seu. O Corinthians não é seu, do Flávio Adauto, do Andrés", argumentou.

Por fim, sobrou até para a não-classificação do Corinthians à Libertadores. Neto ironizou o fato de o Timão não ter conseguido uma vaga no torneio nem mesmo com as mudanças propostas pela Conmebol - oito clubes brasileiros disputarão a competição em 2017.

"Vocês fizeram o Corinthians não se classificar para a Libertadores no G19. Porque é G19. Só não classificou o América-MG", finalizou.

Veja mais em: Ídolos do Corinthians e Diretoria do Corinthians.

Veja Mais:

  • Nathan treinou com a Seleção de Tite e deve ser titular do Corinthians Sub-20 neste domingo

    No embalo de Tite, Corinthians pega Santos neste domingo por 'la décima' no Paulista Sub-20

    ver detalhes
  • Carille diz não saber sobre proposta do mundo árabe e segue focado no Corinthians

    Reunião com agente não acontece e Carille vai para o interior; Meu Timão atualiza o caso

    ver detalhes
  • Morumbi foi criticado por torcedores gringos: iluminação e distância para o gramado foram citadas

    Gringos criticam ausência da Arena Corinthians na abertura da Copa América; veja comentários

    ver detalhes
  • Com Cássio na Seleção, Walter é hoje o principal goleiro do elenco corinthiano

    Corinthians é consultado por Fluminense sobre goleiro Walter

    ver detalhes

Comente a notícia: